Integrantes da Ascorsi participaram da ação ambiental (Divulgação)
publicidade

Uma ação de limpeza promovida por equipes da Prefeitura e da Ascorsi (Associação dos Coletores de Resíduos Sólidos de Itapira) retirou cerca de 1.100 quilos de lixos depositados irregularmente às margens do Ribeirão da Penha, em Itapira.

O evento foi promovido entre os dias 29 de setembro e 1º de outubro, mas divulgado somente na última semana pela administração. Pela Prefeitura, participaram integrantes das secretarias de Agricultura e Meio Ambiente e de Serviços Públicos.

A ação teve como foco principal o trecho das margens do rio que abastece a cidade paralelo às ruas Ari Wilson Cremasco, no Jardim Soares, e Professor Fenízio Marchini, na Área Industrial.

“A ação resultou na retirada de um caminhão de resíduos sólidos – aproximadamente 1.100 quilos – que haviam sido dispostos irregularmente pela própria população. Os materiais que podiam ser reciclados foram encaminhados para a Ascorsi”, disse a Prefeitura, em nota.

Detritos foram recolhidos em apenas um trecho das margens do rio (Divulgação)

O biólogo Anderson Martelli, da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, disse que a iniciativa garante a disposição adequada desses materiais e serve como conscientização, visto que muito do material coletado favorece o acúmulo de água e a proliferação do mosquito da dengue, zika e a chikungunya, além de causarem a poluição da água e do solo.

A Prefeitura garantiu que a ação será estendida para outros pontos da cidade, mas reforçou reforça o apelo pra que a população faça o descarte correto de lixo e recicláveis, seguindo o cronograma de retirada de lixo doméstico, recicláveis e entulhos vegetais que está disponível nos links https://itapira.sp.gov.br/pagina/coleta-de-lixo-e-reciclaveis/139 e https://itapira.sp.gov.br/pagina/retirada-de-entulhos-vegetais/140.

Print Friendly, PDF & Email

Publicidade - Anuncie aqui