Agente Santos, da Defesa Civil, recebe abraço emocionado do pai da criança (Paulo Bellini/ItapiraNews)
publicidade - anuncie aqui

Um resgate dramático felizmente terminou de forma positiva na tarde deste domingo (8) em uma chácara na região rural do Machadinho, em Itapira.

Uma criança de apenas cinco anos caiu dentro de um poço com 15 metros de profundidade depois que a tampa do acesso cedeu quando ele brincava sobre a estrutura.

O impacto da queda acabou sendo amenizado pela água com nível aproximado de um metro no fundo do poço, que tem cerca de um metro e meio de diâmetro.

Desesperado, o pai da criança, de 32 anos, entrou no poço e tentou descer com uma corda, que arrebentou e também provocou sua queda no interior do poço.

Unidades da GCM (Guarda Civil Municipal), GBVI (Grupamento de Bombeiros Voluntários de Itapira) e da Defesa Civil chegaram rapidamente ao local.

Uma operação foi montada com emprego de técnicas de rapel. O agente Santos, da Defesa Civil, desceu e resgatou primeiro a criança e depois o pai, que na queda sofreu um corte no pé.

Já o menino recebeu apenas escoriações. Ambos foram encaminhados pela Defesa Civil ao Pronto Socorro do Hospital Municipal e passam bem.

Operação reuniu equipes da GCM, Defesa Civil e Bombeiros Voluntários (Paulo Bellini/ItapiraNews)

“O pessoal da família e vizinhos também ajudaram e felizmente deu tudo certo, graças a Deus o resultado foi excelente”, comentou o encarregado da Ronda Rural da GCM, Martinelli.

Em pleno domingo de Dia dos Pais, a operação de resgate marcada pelo final feliz emocionou os agentes que atenderam a ocorrência, especialmente Santos, que ganhou um abraço caloroso da criança e de seu pai, recebendo ainda o carinho dos colegas de profissão.

Criança caiu no poço após a tampa ceder (Paulo Bellini/ItapiraNews)

“Foi um trabalho técnico após a avaliação inicial das condições de segurança. Primeiramente a criança foi içada e depois o pai, com outro sistema utilizando uma cadeirinha, e posteriormente içamos o agente”, explicou o coordenador da Defesa Civil, Ronaldo Ramos.

Atuaram na ocorrência os guardas Martinelli e Fonseca, os agentes da Defesa Civil Santos, Carvalho, Vicente, Luciano e coordenador Ronaldo e os bombeiros voluntários Da Silva, Machado e Franco.

Print Friendly, PDF & Email
Publicidade - Anuncie aqui