Publicidade - Anuncie aqui também!
Waldirene se aposentou como 3º sargento na PM (Arquivo)
Waldirene se aposentou como 3º sargento na PM (Arquivo)
Publicidade - Anuncie aqui

A policial Waldirene Diniz, 48, encerrou sua carreira militar após 28 anos de atuação na corporação de Segurança Pública. Conhecida popularmente como ‘Cabo Waldirene’, ela teve sua patente elevada à de 3º Sargento e passou para a reforma no último dia 13.

A aposentadoria após quase três décadas de serviços prestados à população através da Polícia Militar do Estado de São Paulo rendeu homenagens do 26º BPM/I (Batalhão de Polícia Militar do Interior).

Waldirene ingressou na PM em 1988 e foi promovida à graduação de Cabo em 2009. Antes disso, em 2003, chegou ao 26º BPM/I e trabalhou, inicialmente, na 2ª Companhia, em Mogi Mirim (SP). Em 2013 passou a servir em Itapira, na 3ª Companhia, desenvolvendo serviço operacional e sendo Policial Destaque do Batalhão por diversas vezes.

Também foi eleita Policial do Ano de 2013 da 3ª Cia e eleita Policial Feminina de 2016 do Batalhão. “Sempre com extrema dedicação, competência, proatividade e conhecimento técnico, obtendo excelentes resultados no combate à criminalidade, sendo também fiscalizadora no trânsito, preocupada com a segurança de todos. Desenvolveu um trabalho muito forte na Ronda Escolar, junto aos pais, funcionários das escolas e alunos, visando à segurança, o respeito mútuo e a integração entre polícia e comunidade”, destacou nota emitida pelo comandante do 26º BPM/I, major Ricardo Augusto Nascimento de Mello Araújo.

Waldirene também foi congratulada com a Láurea de Mérito Pessoal em segundo grau, um dos mais altos concedidos na Polícia Militar. A Láurea de Mérito Pessoal foi criada em 1974 como homenagem e reconhecimento da instituição a seu público interno, objetivando distinguir policiais militares que, por seus méritos pessoais, se sobressaíram no cumprimento do dever.  A honraria lhe foi concedida por ter solucionado um crime de homicídio ocorrido em Itapira, prendendo dois indivíduos e apreendendo uma faca e uma arma de fogo. “Com seu profissionalismo angariou diversos amigos dentro e fora da instituição. Neste momento de sua vida, termina sua jornada na Polícia Militar do Estado de São Paulo, pronta para iniciar novos projetos nesta nova etapa ao lado de seus familiares e amigos, deixando-nos a certeza de que cumpriu sua missão com extrema capacidade e competência. Torna-se para seus amigos, colegas de trabalho, familiares e amigos, motivo de orgulho e admiração, exemplo digno e referência de profissional”, concluiu a nota.