Homenagens adaptadas não deixaram data especial passar em branco (Divulgação)

No último dia 19 de maio foi comemorado o Dia Nacional e Mundial de Doação do Leite Humano e em comemoração à data, o Banco de Leite Humano (BLH) de Itapira fez homenagens para as doadoras de leite materno do município.

Com a impossibilidade de realizar eventos coletivos em razão da pandemia do coronavírus, mas como forma de reconhecimento e agradecimento a todas as puérperas que doam leite materno, a equipe do Banco de Leite visitou cada uma delas e fez a entrega de um certificado junto com uma lembrança.

“Em anos anteriores a gente sempre fazia um evento com as homenageadas, mas infelizmente não podemos fazer isso agora. Pensamos nessa alternativa para demonstrar nossa gratidão a cada uma delas”, disse a enfermeira Juliana Belinello, coordenadora do Banco de Leite Humano Juliana Bellinello.

Uma das homenageadas foi Samara Moreira Godoi da Silva, que tem um bebê de dois meses. Ela foi a mamãe que mais doou leite materno nesse ano: 34 litros até o último balanço. “É um volume muito grande e que tem nos ajudado muito”, enfatizou Juliana.

No ano passado o BLH arrecadou um total de 362 litros de leite materno, que depois de pasteurizados e tratados resultaram em 207,5 litros distribuídos entre o Hospital Municipal e a Santa Casa de Itapira, Hospital São Francisco e Santa Casa de Mogi Guaçu e Santa Casa de Mogi Mirim. Esse ano, até abril, foram 91,5 litros distribuídos entre esses mesmos hospitais.

Diplomas foram entregues a doadoras de leite humano (Divulgação)
  • 20 anos

No último dia 9 de março o Banco de Leite Humano do Hospital Municipal completou 20 anos. Inaugurado em 9 de março de 2001, o Banco de Leite Humano é referência na região e sua atuação fortalece o título de Hospital Amigo da Criança, conquistado pelo Hospital Municipal em 1999.

Uma das áreas de atuação do BLH é fornecer suporte e treinamento a todas as puérperas do Hospital Municipal também as da Santa Casa (ou de outros hospitais) que procuram pelo serviço.

“Mesmo não podendo ter visitas domiciliares nesse período de pandemia, continuamos com esse atendimento diretamente na Maternidade do Hospital Municipal e no Banco de Leite. Sempre temos uma procura grande de mães pedindo auxílio quanto à amamentação e isso para nós é muito importante, pois nosso objetivo é incentivar o aleitamento materno”, enfatizou Juliana.

A equipe atual do Banco de Leite Humano é composta pela enfermeira coordenadora Juliana Bellinelo e pelas técnicas de enfermagem Rosana Raphael e Cláudia Valéria Nuciarone de Moraes. As interessadas no atendimento ou em se tornarem doadoras podem entrar em contato pelo telefone 3913-9393.

Publicidade - Anuncie aqui