Procon alerta para sites não confiáveis (Divulgação)
Publicidade - Anuncie aqui também!
Procon alerta para sites não confiáveis (Divulgação)
Procon alerta para sites não confiáveis (Divulgação)
Publicidade - Anuncie aqui

Uma sugestão válida para acompanhar a lista de compras para esta sexta-feira, 29, em que ocorrerá mais uma edição do Black Friday é ficar atento à outra lista, produzida pela Fundação Procon-SP, com sites não recomendados para compras.

Com a última atualização desta semana, o número de empresas online não confiáveis aumentou para 325.

Estes sites tiveram reclamações de seus clientes registradas no Procon. Das queixas comentadas, as irregularidades mais apontadas são por falta de entrega do produto adquirido.

O consumidor deve sempre buscar por mais informações a respeito do fornecedor para não ficar no prejuízo. O Procon reuniu algumas dicas que auxiliam nessa triagem:

– Procure no site a identificação da loja (razão social, CNPJ, telefone e outras formas de contato além do e-mail);
– Prefira fornecedores recomendados por amigos ou familiares;
– Desconfie de ofertas vantajosas demais;
– Não compre em sites em que as únicas formas de pagamento aceitas são boleto bancário e/ou depósito em conta.
– Leia a política de privacidade da loja virtual para saber quais compromissos ela assume quanto ao armazenamento e manipulação de seus dados;
– Imprima ou salve todos os documentos que demonstrem a compra e a confirmação do pedido (comprovante de pagamento, contrato, anúncios);
– Instale programas de antivírus e firewall (sistema que impede a transmissão e/ou recepção de acessos nocivos ou não autorizados) e os mantenha atualizados em seu computador;
– Nunca realize transações online em lan houses, cybercafés ou computadores públicos, pois podem não estar adequadamente protegidos.

Publicidade - Anuncie aqui