Caminhada acontece neste sábado, na região central (Arquivo)
Publicidade - Anuncie aqui também!
Caminhada acontece neste sábado, na região central (Arquivo)
Caminhada acontece neste sábado, na região central (Arquivo)
Publicidade - Anuncie aqui

Acontece neste sábado, em Itapira, a Caminhada Outubro Rosa, atividade integrante da Campanha de Prevenção do Câncer de Mama. A largada está agendada para 9h00, na Praça Bernardino de Campos, na área central do município. O percurso se estenderá até o Parque Juca Mulato.

A organização é da Associação Pétalas de Rosas – Unidas Por Laços de Solidariedade, com apoio da Secretaria Municipal de Saúde. O evento faz parte das ações do Outubro Rosa – mês que reúne ações voltadas à conscientização quanto à importância do diagnóstico precoce da doença. Antes da saída, os participantes serão mobilizados em vários exercícios de alongamento.

Os envolvidos seguem em direção ao Parque Juca Mulato, onde haverá uma apresentação da Banda Lira Itapirense. Perto de 300 pessoas são aguardadas. Além da mobilização, alguns pontos estratégicos do município, como Casa da Cultura João Torrecillas Filho, Hospital Municipal e Fórum Juiz Manuel Augusto Ornellas, foram decorados com as cores alusivas à campanha Outubro Rosa.

O movimento Outubro Rosa foi lançado pela Fundação Susan G. Komen For the Cure, em 90, na cidade americana de Nova York, durante a 1ª Corrida pela Cura. Em 97, entidades das cidades de Yuba e Lodi, nos Estados Unidos, começaram efetivamente a comemorar e fomentar ações voltadas à prevenção do câncer de mama. Todas ações eram e são até hoje direcionadas à conscientização da prevenção pelo diagnóstico precoce.

Para sensibilizar a população, inicialmente as cidades se enfeitavam com laços rosas, principalmente nos locais públicos. Depois surgiram outras atividades como corridas, desfile de modas com sobreviventes do câncer de mama, partidas de boliche e outros. No Brasil, a primeira iniciativa da campanha foi em 2002, com a instalação de luzes na cor rosa no monumento Mausoléu do Soldado Constitucionalista, mais conhecido como Obelisco do Ibirapuera, em São Paulo. O movimento é desenvolvido com a finalidade de conscientizar o público feminino sobre a prevenção do câncer de mama.