Caminhoneiro morre em acidente na SP-147

Caminhão subiu em barranco e parou em cerca após motorista perder o controle
Caminhão subiu em barranco e parou em cerca após motorista perder o controle

O motorista Antonio Galego da Silva, 67, morreu na tarde desta quarta-feira (27), depois de se envolver em acidente na Rodovia SP-147 (Itapira-Lindóia).

Morador em Descalvado (SP), ele conduzia um caminhão Mercedes Benz, sentido Itapira, e teria perdido o controle do veículo após ser “fechado” por um Volkswagen/Saveiro, segundo narra o boletim de ocorrência registrado pela Polícia Militar Rodoviária.

Saveiro envolvida em acidente e, ao fundo, caminhão que só parou na cerca
Saveiro envolvida em acidente e, ao fundo, caminhão que só parou na cerca

O acidente aconteceu por volta das 14h30 na altura do quilômetro 39 da rodovia, mais precisamente na região do bairro Istor Luppi. Segundo a polícia, o condutor da Saveiro, um homem de 32 anos, abriu ultrapassagem sobre o caminhão e, ao retornar para sua pista, teria fechado o veículo dirigido por Silva. No local, a ultrapassagem é permitida para quem segue sentido Itapira e proibida no sentido inverso.

Para evitar colidir contra o automóvel, o motorista tirou o caminhão à direita, saindo para o acostamento, invadindo um canteiro e avançando sobre um barranco que causou um forte impacto no veículo. O caminhão só parou após estourar uma cerca que separa a rodovia de uma rua do Istor Luppi.

Silva sofreu diversos ferimentos, principalmente na região da cabeça, e foi socorrido pelo Samu em estado grave. Ele chegou a dar entrada no Hospital Municipal com vida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu por volta das 17h00.

Seu corpo foi levado ao IML (Instituto Médio Legal) para exames necroscópicos, de onde deverá seguir para Descalvado. O condutor do Saveiro não se feriu.

O caminhão ficou bastante danificado e foi recolhido a um pátio credenciado da Polícia Civil. O caso foi registrado na Delegacia de Polícia como homicídio culposo na direção de veículo automotor.