Anúncio da construção da base ficou apenas em placa (Arquivo/ItapiraNews)
publicidade

Entra ano, sai ano, os pedidos para construção de uma base da GCM (Guarda Civil Municipal) na região do Istor Luppi continuam aportando na mesa do prefeito.

A mais recente solicitação partiu da vereadora Beth Manoel (PSL), presidente da Câmara Municipal, que apresentou uma indicação sugerindo “estudos visando a implantação” da base na região.

O pedido tem exatamente o mesmo teor de outras solicitações já feitas por ela em 2019 e em 2020, também endereçadas ao Gabinete do Executivo.

Além de Beth Manoel, em 2020 o então vereador Toninho Marangoni também pleiteou a construção da base, porém sugerindo que fosse implantada na região dos Prados para abranger, também, o Luppi.

Os pedidos não são novos. Ainda em 2010, o vereador Carlinhos Sartori (PSDB) – que até hoje permanece na Câmara Municipal após sucessivas reeleições – também pediu que a Prefeitura realizasse estudos para implantar a base no bairro.

Em 2014, no segundo ano do primeiro mandato do prefeito José Natalino Paganini (PSDB), a administração chegou a confirmar a obra, inclusive com uma placa sendo instalada em um terreno já na parte pertencente ao bairro José Tonolli, vizinho ao Istor Luppi.

Em 2015, a reportagem do Itapira News cobrou um posicionamento e a informação foi de que o município aguardava a liberação de recursos. O prédio, entretanto, nunca saiu do papel.

Print Friendly, PDF & Email

Publicidade - Anuncie aqui