Munhoz e Paganini se reuniram com João Cury na capital (Divulgação)
Publicidade    
Publicidade - Anuncie aqui

Anunciada já em 2015, a construção de uma escola estadual para abrigar estudantes do 6º ao 9º ano residentes na região dos bairros Istor Luppi e José Tonolli, enfim, foi confirmada. A notícia foi divulgada pelo deputado Barros Munhoz (PSDB) durante evento ocorrido na manhã da última sexta-feira (25). De acordo com o parlamentar, serão investidos entre R$ 7 e R$ 8 milhões na nova unidade.

Os recursos serão despendidos pelo Governo do Estado. Hoje, alunos dos dois bairros que estudam no segundo ciclo do Ensino Fundamental precisam se deslocar a unidades distantes como as escolas Caetano Munhoz, nos Prados, e até mesmo na Elvira Santos de Oliveira, na Santa Cruz, por exemplo. A promessa de construção de uma nova escola no bairro já havia sido divulgada pela Prefeitura em 2015, mas desde então era aguardada a autorização do governo estadual.

A autorização para a abertura da concorrência pública que vai definir a empresa responsável pela construção da escola foi dada na última quinta-feira (24) em São Paulo, durante audiência entre Munhoz e o presidente da FDE (Fundação para o Desenvolvimento da Educação), João Cury, além do prefeito José Natalino Paganini (PSDB). “É mais uma conquista fantástica para o povo de Itapira. Isso só mostra a importância da nossa luta diárias. Novamente o governador Geraldo Alckmin mostra sua atenção especial a Itapira e mais uma vez o presidente da FDE João Cury nos apoia em mais uma importante conquista”, comentou Munhoz.

A escola deverá ser construída em uma área já reservada ao lado da Creche Escola ‘Carmela Faria Sartori’. Agora, o processo licitatório terá andamento e a expectativa é que a nova unidade seja uma realidade já no próximo ano letivo, embora ainda não exista um prazo oficial.