Ao todo, Governo do Estado investiu R$ 9,3 milhões na compra dos veículos (Divulgação/SSP/Chello Fotógrafo)
Publicidade - Anuncie aqui também!
Ao todo, Governo do Estado investiu R$ 9,3 milhões na compra dos veículos (Divulgação/SSP/Chello Fotógrafo)
Ao todo, Governo do Estado investiu R$ 9,3 milhões na compra dos veículos (Divulgação/SSP/Chello Fotógrafo)
Publicidade - Anuncie aqui

O Corpo de Bombeiros de todas as regiões do Estado de São Paulo recebeu 59 novas viaturas para reforçar a frota. A distribuição aconteceu em solenidade comemorativa ao Dia do Bombeiro Brasileiro, celebrado no último dia 2.

Os veículos atuarão e 40 municípios paulistas. Do total, 31 viaturas são do modelo Renault Master Furgão, que custaram R$ 151,3 mil cada e 28 Mitsubishi L200 Triton, compradas por R$ 166 mil cada.

Criado em 1880, o Corpo de Bombeiros de São Paulo conta, atualmente, com mais de 20 Grupamentos, um Grupamento Marítimo (GBMar), Escola Superior de Bombeiros, Centro de Suprimento e Manutenção Operacional, além de uma estrutura administrativa.

A unidade recebe, por dia, uma média de 25 mil ligações ao telefone 193 (Centro de Operações do Corpo de Bombeiros – Cobom), que geram cerca de 2.100 ocorrências. Em março, durante comemoração ao aniversário de 136 anos do Corpo de Bombeiros, o Governo do Estado entregou 78 novas viaturas a unidades da instituição, que custaram R$ 3,9 milhões.

Na ocasião, também foi inaugurado o Sistema de Estações para Simulação de Combate a Incêndios, a primeira pista de treinamento e aperfeiçoamento dos bombeiros na América Latina, fruto de um investimento de R$ 2,4 milhões. Desde 2011, sem contar a entrega de hoje, o Corpo de Bombeiros recebeu 694 novas viaturas, a um custo de R$ 128,23 milhões. No mesmo período, a unidade formou 1.183 novos bombeiros para reforçar seu efetivo.