O primeiro passo burocrático para a efetiva implantação de uma base operacional do Corpo de Bombeiros da Polícia Militar em Itapira foi sacramentado nesta semana, com a assinatura do convênio pelo prefeito Toninho Bellini (PSD).

O documento foi assinado pelo prefeito na última segunda-feira (20) e seguiu para assinatura do secretário estadual de Segurança Pública de São Paulo, General João Camilo Pires de Campos.

Há uma semana o Itapira News informou com exclusividade que as tratativas para a implantação da base dos bombeiros militares no município estavam em estágio adiantado.

“Ainda existe um caminho a ser percorrido. A assinatura do convênio é o passo inicial, estamos reunindo os recursos para poder implantar, efetivamente, a base do Corpo de Bombeiros da Polícia Militar em Itapira”, confirmou ao Itapira News nesta sexta-feira (24) o Tenente-Coronel Eglis Roberto Chiachirini, comandante do 7º GB (Grupamento de Bombeiros).

De acordo com ele, após a assinatura pelo secretário de Segurança Pública já serão assegurados dois veículos para a futura base, sendo um caminhão autobomba e uma viatura de resgate, além de outros equipamentos como itens de proteção respiratória, por exemplo.

“Também teremos a necessidade de aguardar a formatura de novos militares pela Escola Superior de Bombeiros da Polícia Militar do Estado de São Paulo”, destacou. Essa formatura é prevista para o dia 17 de dezembro deste ano.

Dessa forma, a expectativa é a base somente comece a operar a partir de 2022. Na semana passada, também em entrevista ao Itapira News, o Tenente-Coronel Eglis já havia antecipado que Itapira é uma das cidades com prioridade para implantação do serviço de bombeiro.

“É uma cidade pujante, com 75 mil habitantes, então temos bastante interesse em prestar esse serviço ao cidadão itapirense”, frisou.

Print Friendly, PDF & Email

Publicidade - Anuncie aqui