Guarda Civil Municipal de Itapira também marcou presença no cortejo (Guaçu Agora)
Publicidade - Anuncie aqui também!
via Guaçu Agora
Publicidade - Anuncie aqui

O falecimento do inspetor da GCM (Guarda Civil Municipal) de Mogi Guaçu, Paulo Eduardo Archangelo, 59 anos, ocorrido na noite desta quarta-feira (29) deixou enlutada as corporações municipais de Segurança Pública de toda a região.

Seu sepultamento ocorreu na manhã desta quinta-feira (30), no Cemitério Municipal Santo Antônio, no Jardim Novo II, mobilizando além dos companheiros de trabalho, também as guardas municipais de Mogi Mirim, Estiva Gerbi e Itapira.

Viaturas do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) da Baixa Mogiana e da Defesa Civil também participaram do cortejo que rendeu a última homenagem a Archangelo.

Dezenas de viaturas e agentes acompanharam o veículo que realizou o transporte do corpo do GCM que ao longo dos últimos 36 anos se dedicou a atender a população guaçuana. O cortejo foi coordenado pelo comandante da corporação local, Claudemir Adorno da Costa.

Archangelo estava internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital São Francisco há 17 dias e não resistiu às complicações provocadas pelo novo coronavírus (Covid-19). Sua morte ocorreu por volta das 21h00. Ele era casado e tinha três filhas e integrava a GCM de Mogi Guaçu desde 1984.