O delegado titular de Itapira, Anderson Cassimiro de Lima, confirmou a abertura de inquérito para apurar a conduta de um grupo de jovens que aparece em um vídeo que viralizou nas redes sociais nos últimos dias.

O registro foi distribuído em grupos de mensagens instantâneas e replicados em aplicativos de vídeos após ser publicado por uma das participantes do evento, que em tese fere as determinações para que não sejam realizadas aglomerações por causa da pandemia.

A repercussão do vídeo veio acompanhada de muitas críticas. No vídeo, cerca de 10 jovens aparecem sem máscaras e ignoram o distanciamento social. Eles afirmam em tom de brincadeira que estão “passando” algo uns para os outros.

A brincadeira foi entendida como sendo relacionada à transmissão do coronavírus e gerou indignação nas redes sociais.

Agora, o delegado deverá ouvir a todos para apurar o que realmente aconteceu no dia em que o registro foi feito e adotar eventuais providências cabíveis. “O inquérito foi instaurado após determinações das vias hierárquicas e no momento oportuno vamos ouvir os jovens”, confirmou a autoridade policial.

Publicidade - Anuncie aqui