GAT e Canil atuaram em conjunto e desempregado acabou preso
Publicidade - Anuncie aqui também!
GAT e Canil atuaram em conjunto e desempregado acabou preso
GAT e Canil atuaram em conjunto e desempregado acabou preso
Publicidade - Anuncie aqui

Na noite de segunda-feira, o desempregado Felipe Bosso, 19 anos, morador em Lindóia, foi autuado em flagrante, acusado de promover tráfico de entorpecentes.

Segundo o apurado, os guardas municipais Palandi, Alexandre e Neto, do GAT, com apoio dos GMs Fonseca e Da Silva, do Canil, receberam denúncia de que um indivíduo estaria praticando o comércio de drogas na praça Benedito Modesto, situada na rua Pedro Mandato, região do conjunto Nosso Teto.

A denúncia, inclusive, apontava que o indivíduo era loiro, vestia uma blusa de moleton cinza e uma bermuda. Quando os GMs chegaram ao ponto mencionado, Bosso aparentou nervosismo, dispensou um maço de cigarros de caixinha e tentou se evadir. Contudo, ele acabou sendo detido e, dentro do maço estavam 11 flaconetes de cocaína e 18 pedras de crack.

Com o desempregado também foram encontrados dois celulares. O acusado foi levado ao plantão, onde prestou esclarecimentos ao escrivão Malia Júnior, acabando por ser autuado em flagrante por determinação da delegada Vânia Turolla Alves Cardoso. A cocaína pesou 22 gramas, enquanto que as pedras de crack totalizaram 12,5 gramas e permaneceram apreendidas.