Um grupo de pessoas tenta cruzar uma via alagada in Leogane, no Haiti, após a passagem do Furacão Matthew (Orlando Barria/EPA/Agência Lusa)
Publicidade - Anuncie aqui também!
Um grupo de pessoas tenta cruzar uma via alagada in Leogane, no Haiti, após a passagem do Furacão Matthew (Orlando Barria/EPA/Agência Lusa)
Um grupo de pessoas tenta cruzar uma via alagada in Leogane, no Haiti, após a passagem do Furacão Matthew (Orlando Barria/EPA/Agência Lusa)
Publicidade - Anuncie aqui

A Organização das Nações Unidas (ONU) informou que apenas US$ 15 milhões foram arrecadados até o momento para assistência às vítimas do furacão Matthew, no Haiti.

No último dia 10, a ONU havia feito um chamamento internacional, solicitando doações de US$ 120 milhões para ajudar aos 750 mil haitianos gravemente afetados pelo desastre.

Segundo Stephan Dujarric, porta-voz das Nações Unidas em Nova York, 175 mil pessoas estão vivendo em 224 albergues temporários e mais de 115 mil crianças estão sem aulas devido à destruição de suas escolas.

Além disso, mais de 1,2 milhão de pessoas, incluindo 500 mil menores, estão precisando de água potável e saneamento para evitar a propagação de doenças. Dujarric acrescentou que as agências da ONU estão distribuindo pastilhas purificadoras de água para aproximadamente 475 mil pessoas, além do fornecimento de cloro às autoridades locais, para que coloquem nos sistemas de água do país.