Documentação embasa projeto de lei que pode enquadrar município como MIT (Divulgação)
Publicidade    
Publicidade - Anuncie aqui

O Dadetur (Departamento de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios Turísticos) da Secretaria de Turismo do Estado aprovou na última quarta-feira (28) a documentação para que Itapira possa pleitear o título de MIT (Município de Interesse Turístico).

Com o parecer favorável do grupo técnico, a documentação volta para a Alesp (Assembleia Legislativa de São Paulo), onde passará pela Comissão de Constituição, Justiça e Redação e, recebendo parecer favorável, deverá ir à votação ainda neste mês.

Conforme destaca o secretário municipal de Cultura e Turismo de Itapira, Tiago Fontolan, a aprovação pelo Dadetur é uma etapa importante no processo que teve início na secretaria em fevereiro de 2017. “Desde antes do Carnaval do ano passado nós já estamos respirando o MIT. No início de setembro encaminhamos toda a documentação exigida pela lei à Alesp, aos cuidados do deputado Barros Munhoz, que é o autor do Projeto de Lei que pede a classificação de Itapira como MIT”, explicou.

Wanella, Munhoz e Fontolan (Divulgação)

Se for aprovado na Alesp, o processo seguirá para sanção do governador Geraldo Alckmim. Confirmado o título, Itapira passará a receber recursos para o Turismo oriundos do fundo estadual. “Agradecemos ao deputado Barros Munhoz pelo seu empenho e dedicação em todo o processo e também a toda equipe de seu gabinete que nos assessorou nessa conquista. Faço um agradecimento especial também para toda a equipe da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, em especial a Wanella Bitencourt por todo empenho. Turismo hoje é uma grande fonte de renda. Turismo é negócio”, finalizou.