Corpo foi encontrado pela manhã em estrada rural (Paulo Bellini/ItapiraNews)
publicidade

Os dois homens acusados de roubar e matar o taxista Sebastião Luiz Rogato, de 67 anos, foram condenados a 30 anos de prisão cada.

O crime aconteceu em Itapira no dia 14 de maio de 2020 e a sentença saiu em fevereiro, mas somente foi divulgada neste mês.

Keverson Alex do Carmo Silva, de 20 anos, e Cassiano Matheus Motta, de 21, foram presos no dia 3 de junho do ano passado e apontados como os autores do latrocínio.

Os dois são surdos e mudos, mas confessaram o crime por meio da escrita. Ainda cabe recurso e a defesa dos acusados deverá recorrer da decisão proferida pela juíza Vanessa Aparecida Bueno.

  • O CRIME

Rogato era taxista e na manhã do dia 14 de maio de 2020 estava no ponto de táxi da Estação Rodoviária quando foi solicitado pela dupla.

Eles foram até a região rural do Tanquinho, onde assassinaram o taxista a facadas. O corpo foi deixado na estrada de terra e os bandidos fugiram com o carro da vítima, um Ford/Ká.

No início de junho, o veículo foi encontrado em Pouso Alegre (MG) e os acusados foram identificados e presos.

Print Friendly, PDF & Email

Publicidade - Anuncie aqui