Arma e droga estavam nas casas dos suspeitos (Divulgação)
Publicidade - Anuncie aqui também!
Publicidade - Anuncie aqui

Dois homens foram presos na noite desta sexta-feira (16) em Itapira, suspeitos de envolvimento em roubos de motocicletas ocorridos recentemente na cidade. Com eles, policiais militares também encontraram um revólver calibre 32 com a numeração suprimida e um tijolo de maconha. Um terceiro indivíduo conseguiu fugir durante a abordagem, mas já foi identificado.

A ocorrência começou por volta das 19h30 na Rua Mauro Simões, região do Conjunto Habitacional Humberto Carlos Passarela. Depois de denúncia anônima encaminhada ao CAD (Centro de Atendimento e Despacho) da Polícia Militar, as guarnições deslocaram à referida via para checar a informação de que um dos indivíduo teria estacionado duas motocicletas Honda/XRE, sendo uma de cor vermelha e, a outra, branca.

Ao consultar o emplacamento das motos, uma constou como produto de roubo e, a outra, dublê. Ainda com base na denúncia, em uma residência próxima foi localizado um dos indivíduos, identificado como Willian Dalallana, 25, onde também foi encontrada a arma. Questionado, ele acabou informando os policiais sobre a identidade de Gabriel Golveia, que estaria envolvido nos roubos.

Ocorrência terminou com duas prisçoes por receptação, posse de arma de fogo, tráfico de drogas e resistência (Divulgação)

Foi neste momento que o indivíduo apontado pelo primeiro abordado passou defronte à residência ocupando um veículo GM/Prisma e, ao perceber a movimentação policial, empreendeu fuga, sendo iniciado o acompanhamento por alguns dos policiais que conseguiram interceptar o carro cerca de um quilômetro à frente. Ainda assim, Gabriel resistiu à abordagem e entrou em luta corporal com os policiais, sendo dominado e contido.

O terceiro indivíduo, que conseguiu se evadir, também estava no Prisma. Como já havia informações sobre o suposto envolvimento do homem abordado com os crimes de roubo e tráfico de drogas, foi realizada diligência em sua residência, na Rua José Serra, sendo localizado um tijolo de maconha, além de plástico filme e outros apetrechos. Os dois indivíduos receberam voz de prisão e foram conduzidos à CPJ (Central de Polícia Judiciária) de Mogi Guaçu, tendo em vista que o sistema de registro de ocorrências da Delegacia de Itapira passava por manutenção técnica.

As prisões foram ratificadas pelo delegado Luiz Roberto Janini Ortiz, que determinou o recolhimento dos dois acusados à UDTE (Unidade de Detenção, Triagem e Encaminhamento) de Itapira. Gabriel foi acusado de tráfico e resistência e Willian foi qualificado nos crimes de posse de arma de fogo e receptação. A ocorrência mobilizou diversas equipes da Polícia Militar, incluindo integrantes da Rocam (Rondas Ostensivas com Apoio de Motocicletas) e da Força Tática. Participaram do trabalho os policiais Cabo Lopes, Cabo Bitencourt, Cabo Lourenço, Soldado Melo, Soldado Ferrarri, Soltado Andrare, Soldado Mayara e Sargento Chequei. O registro da ocorrência foi concluído somente por volta da 1h30 da manhã.

Motociletas estavam estacionadas perto da residência de um dos suspeitos (Divulgação)