Procedimento já pode ser feito no Cartório Eleitoral (Itapira News)
Publicidade    
Publicidade - Anuncie aqui

Os eleitores itapirenses cujos títulos foram emitidos até 31 de agosto de 2015 devem fazer o cadastro da biometria no Cartório Eleitoral. O procedimento é obrigatório e o prazo vai até 19 de dezembro deste ano. O órgão fica na Rua João de Moraes, 430, no Centro – mais precisamente no mesmo quarteirão da Câmara Municipal.

O trabalho começou na última segunda-feira (4) e acontece em mais 25 cidades da região. Segundo o TER/SP (Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo), quem descumprir a determinação terá o título cancelado.

Segundo chefe do Cartório Eleitoral de Itapira, Paulo Roberto Nascimento, o movimento nos primeiros dias foi de relativa tranquilidade nas demandas relacionadas ao cadastro biométrico. “Esperávamos um movimento maior, mas acreditamos que a população esteja bem informada e se planejando para realizar o procedimento. O importante é não deixar para a última hora para evitar filas e grande tempo de espera”, orientou.

De acordo com ele, o tempo médio para a realização do procedimento gira de 10 a 15 minutos. Para realizar a biometria, o eleitor pode fazer um agendamento online no site do TRE. Caso não tenha acesso à internet, a opção é ir pessoalmente até o cartório eleitoral para escolher dia e horário. Caso não existam outros agendamentos, o Cartório Eleitoral poderá proceder diretamente com o cadastro.

Equipe do Cartório Eleitoral iniciou trabalho de cadastro biométrico (Itapira News)

O cidadão deve levar um documento oficial com foto, além de comprovante de residência e, no caso dos homens com idade superior a 18 anos, o certificado de alistamento militar (carteira de reservista). Vale lembrar que sem o título o cidadão fica impedido de votar, pedir passaporte, se inscrever em concursos públicos, pedir empréstimo em banco público ou renovar/fazer matrícula em instituições públicas de ensino.

O registro das digitais está disponível em todas as cidades paulistas e a meta da Justiça Eleitoral é concluir este processo até as eleições de 2022. Além de Itapira, a lista para o cadastro obrigatório neste ano inclui também as cidades de Águas de Lindoia (SP), Amparo (SP), Artur Nogueira (SP), Espírito Santo do Pinhal (SP), Estiva Gerbi (SP), Holambra (SP), Hortolândia (SP), Indaiatuba (SP), Jaguariúna (SP), Lindoia (SP), Mogi Guaçu (SP), Mogi Mirim (SP), Monte Alegre do Sul (SP), Monte Mor (SP), Morungaba (SP), Paulínia (SP), Pedra Bela (SP), Pedreira (SP), Pinhalzinho (SP), Santo Antônio de Posse (SP), Santo Antônio do Jardim (SP), Serra Negra (SP), Socorro (SP), Tuiuti (SP) e Valinhos (SP).