Guardas surpreenderam homem cortando e furtando trilhos (Divulgação)
via Guaçu Agora

Uma equipe da GCM (Guarda Civil Municipal) de Mogi Guaçu flagrou um homem de 31 anos que furtava barras de ferro dos trilhos da linha de trem que passa pela cidade.

Ele cortava as bordas da estrutura e vendia para um depósito de sucatas que agora também deverá ser investigado. A linha desativada fica ao lado dos trilhos atuais por onde transitam os trens cargueiros.

Em depoimento aos guardas, ele disse que cortava em média 30 barras de dois metros cada por dia, que pesavam perto de 100 quilos cada e eram vendidas por pouco mais de R$ 100,00.

O homem foi flagrado durante patrulhamento realizado pelos guardas na tarde da última quinta-feira (20) no trecho da linha férrea no Jardim Bandeirantes, às margens da Rua Benedito Euclides Martini.

Com ele foram apreendidos dois cilindros de oxigênio, dois botijões de gás, um carrinho de transporte que era encaixado no próprio trilho, uma mangueira de maçarico, um telefone celular e uma viga de metal que ele havia acabado de cortar do trilho.

Um representante da VLI Logística, empresa que administra o trecho, foi acionado para acompanhar a ocorrência. O local foi periciado pelo IC (Instituto de Criminalística) da Polícia Civil.

O acusado foi levado à CPJ (Central de Polícia Judiciária), permanecendo preso e à disposição da Justiça. A ocorrência mobilizou os guardas Codogno, Souza e Silva, com apoio do comandante Romualdo, supervisor Pontelli e equipe do Canil com os guardas Góis e Taiguara.

Publicidade - Anuncie aqui