Equipes fazem trabalho para atrair moradores de rua ao Abrigo Municipal (Paulo Bellini/ItapiraNews)

As equipes da Secretaria Municipal de Promoção Social de Itapira intensificaram o trabalho de orientação junto a moradores de rua em razão do frio intenso que se instalou no município nesta semana.

Com temperaturas que chegaram a 2,1ºC na última madrugada, o trabalho que visa atrair esse público para o Abrigo Municipal foi reforçado.

As ações acontecem sempre no período noturno, a cargo de servidores do Centro Pop, equipamento voltado ao atendimento das pessoas em situação de rua na cidade. O trabalho foi retomado no início da semana diante das informações sobre a chegada do frio intenso.

Segundo a secretária de Promoção Social, Regina Ramil Marella, até então a média de permanência no abrigo variava entre 20 a 25 pessoas por noite. Agora, a taxa de ocupação subiu para 32 pessoas.

“Há algumas pessoas que ainda resistem e preferem ficar nas ruas. Tivemos sucesso nas ações dessa semana, com várias pessoas aceitando ir para o abrigo. Na madrugada desta quinta-feira, um homem já de idade também aceitou, e ficamos felizes, pois ele corre muito risco”, disse.

  • DIFICULDADES

Segundo Regina, parte dessa resistência ocorre em razão das regras e critérios para que o Abrigo Municipal possa ser utilizado. Além da orientação sobre o espaço que conta com camas individuais, as equipes também distribuíram cobertores e roupas de frio.

“Aos que se recusaram a ir ao abrigo foi oferecido mais cobertores e agasalhos para que suportem ficar nas ruas com esse tempo”, disse a secretária.

Além do serviço no abrigo, pela manhã as pessoas em situação de rua podem ir ao Centro Pop, onde recebem café da manhã e podem tomar banho, bem como receber atendimentos diversos pela equipe multidisciplinar.

Print Friendly, PDF & Email

Publicidade - Anuncie aqui