Queimadas castiagem áreas verdes em Itapira (Divulgação/Defesa Civil)
Publicidade - Anuncie aqui também!
Publicidade - Anuncie aqui

Equipes da Defesa Civil de Itapira e do Corpo de Bombeiros de Mogi Guaçu, com apoio dos Bombeiros Voluntários e brigadistas tentam conter um incêndio florestal que começou há mais de uma semana.

O fogo iniciou em uma área verde na cidade de Águas de Lindoia, mas em razão da vegetação seca se alastrou rapidamente e chegou a regiões rurais de Itapira.

Mantenha-se bem informado: curta nossa página no Facebook, siga-nos no Instagram e também pelo Twitter

As chamas já atingiram várias propriedades nas áreas da Ponte Nova e Ponte Preta, incluindo parte da fazenda do ator Juca de Oliveira. O fogo também atinge áreas na região dos Forões.

Vegetação seca contribui para alastramento do fogo (Divulgação/Defesa Civil)

“Esse incêndio começou no domingo passado, dia 30, e foi combatido por equipes de Águas de Lindoia e de Lindoia, e então se alastrou e chegou ao território itapirense”, comentou o coordenador da Defesa Civil, Ronaldo Ramos da Silva.

De acordo com ele, desde então as equipes de mobilizam nos combates, que se estendeu ao longo da semana com diversos focos. Além do clima seco, o vento também contribui para que o fogo se alastre rapidamente e dificulta bastante o combate.

No último final de semana, diversos outros pontos da cidade também registraram queimadas, como a área próxima à Fazenda Santa Bárbara, a região do Rio Manso e vários locais na zona urbana.