Informação divulgada nas redes sociais é mentirosa (Ilustração)
Publicidade - Anuncie aqui também!
Publicidade - Anuncie aqui

Os amantes do inverno que se empolgaram com a ‘informação’ de que o Brasil teria o inverno mais frio dos últimos 100 anos correm sério risco de se frustrar. É que a notícia, na verdade, não passa de mais uma das famosas ‘fake news’, compartilhadas à exaustão com o objetivo não só de provocar a desinformação, mas também de arrecadar milhares em receita de anúncios aos responsáveis pelos sites que as veiculam.

A notícia-boato afirmou que o Brasil teria o inverno mais rigoroso dos últimos 100 anos em 2018, com recordes negativos de temperatura principalmente no Sul, Sudeste, Goiás, Distrito Federal e Mato Grosso do Sul.

O inverno brasileiro começa no dia 21 de junho e segue até 22 de setembro. Claro que os termômetros devem baixar mais no inverno e, inclusive, isso já começou a acontecer. Porém, o próprio texto que está circulando nas redes sociais não se sustenta jornalisticamente e muito menos cientificamente. As fontes citadas em alguns portais sem qualquer credibilidade, na verdade, apontam somente para uma época mais rigorosa, mas não há qualquer afirmação sobre recorde histórico.

O site Boatos, que investiga esses tipos de notícias e revela as mentiras da internet, consultou o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos e confirmou que não existe qualquer previsão sobre o tal inverno mais frio dos últimos 100 anos. Leia mais aqui.