Publicidade - Anuncie aqui também!
Publicidade - Anuncie aqui

Realizado na manhã do último sábado (2), no anfiteatro do Instituto Bairral de Psiquiatria, o Fórum do CMDCA (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente) reuniu aproximadamente 150 pessoas, dentre eles representantes das áreas de pedagogia, psicologia e serviço social. Com o tema ‘Construção de Laços’, o evento trouxe como tema central as ações voltadas às crianças e adolescentes com idade entre 12 e 16 anos.

“Os indivíduos dessa idade não têm escola em período integral e também não são vão para as entidades. Desta forma, acabam ficando com um tempo ocioso e precisamos pensar em como trabalhar isso de maneira positiva para eles. Queremos que eles passem a ter a escola como referencial de vida”, disse a presidente do CMDCA, Ana Maria do Nascimento Brunialti. Durante o fórum, os presentes acompanharam as palestras da psiquiatra do Bairral, Taís Silveira Moriyama, e da psiquiatra do CAPSad (Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas), Adriana Roteli Resende Rapelli, que aprofundaram suas reflexões acerca do tema.

Outras três palestras realizadas nesse segundo semestre – uma no IESI (Instituto de Ensino Superior de Itapira), outra no Educandário Nossa Senhora Aparecida e a última na Escola Estadual Caetano Munhoz – também debateram o tema, além das reuniões regulares do CMDCA. “A partir de janeiro iremos voltar a reunir a equipe técnica para determinar as diretrizes de trabalho. Mas a proposta mais forte levantada no fórum foi a de envolver os familiares para pensarmos juntos em uma solução definitiva. Sem essa parceria não conseguiremos dar andamento nas ações”, finalizou Ana Maria.