Colchão observado por garça desce pelas águas do RIbeirão da Penha em registro curioso (Adilson Tolotto/Divulgação)
publicidade

Um fotógrafo itapirense fez um registro curioso e ao mesmo tempo triste em um trecho do Ribeirão da Penha, rio que abastece o sistema de distribuição de água em Itapira.

Ele passava pela ponte entre a Avenida Comendador Virgolino de Oliveira e a rotatória próxima à Rodoviária quando percebeu algo bem diferente nas águas.

Era um colchão de casal que descia boiando enquanto era observado por uma garça que estava às margens, gerando uma cena inusitada.

A foto foi feita por Adilson Divino Tolotto, 42, na tarde da última segunda-feira (16). “Sou fotógrafo e sempre carrego a câmera comigo. Quando passei pelo rio o colchão me chamou a atenção de imediato”, contou ao enviar as imagens à redação do Itapira News.

Cena foi registrada na tarde de segunda-feira (Adilson Tolotto/Divulgação)

“Inicialmente eu me assustei, mas depois achei de certa forma engraçado quando vi a garça virando o pescoço, como se tivesse assistindo o colchão boiando na água e também surpresa com a cena”, acrescentou.

Embora curioso, o registro feito pelo fotógrafo revela o comportamento destrutivo de muitas pessoas com relação ao meio-ambiente.

“É uma pena ver um colchão boiando no nosso rio, ainda mais nessa época de estiagem, com poucas chuvas. É lamentável que as pessoas descartem até mesmo isso na natureza”, indignou-se Tolotto.

Print Friendly, PDF & Email

Publicidade - Anuncie aqui