Placas eram furtadas para posterior venda (Divulgação)

Um homem de 43 anos que vinha cometendo furtos frequentes de placas ornamentais e de identificação de túmulos no Cemitério Municipal da Saudade foi preso na madrugada desta sexta-feira (22) em Itapira.

As equipes da GCM (Guarda Civil Municipal) chegaram ao local após serem comunicadas pelo vigia do espaço, que notou movimentação suspeita entre as sepulturas.

A ação do meliante já vinha sendo investigada, já que uma série de furtos do mesmo tipo começaram a ocorrer no cemitério. Os guardas Castiglioni, Reis, Franco e o encarregado Machado fizeram o cerco por volta das 2h00.

Eles perceberam que o acusado poderia ter invadido o local através de uma casa abandonada na Rua José do Patrocínio, nos fundos do cemitério. Quando entraram no local, já puderam ver o homem deitado entre os túmulos, tentando se esconder.

Ele foi detido e acabou confessando a prática dos delitos, alegando estar desempregado. Junto dele estavam diversas placas que já haviam sido removidas de alguns túmulos e que posteriormente seriam vendidas por ele.

O homem foi levado à Delegacia de Polícia, onde acabou sendo autuado em flagrante por furto qualificado, sendo recolhido à UDTE (Unidade de Detenção, Triagem e Encaminhamento).

Publicidade - Anuncie aqui