Secretaria funciona na Casa da Cultura. Orçamento menor dificulta ações (Arquivo/Megaphone)
Publicidade - Anuncie aqui também!
Paganini confirmou movimentações no sentido de unificar secretarias
Paganini confirmou movimentações no sentido de unificar secretarias
Publicidade - Anuncie aqui

do Megaphone Cultural

A Prefeitura de Itapira estuda a fusão de diversas secretarias municipais para iniciar a nova gestão do prefeito reeleito José Natalino Paganini (PSDB) com menos despesas. A principal análise, neste momento, é a união das secretarias municipais de Cultura e Turismo e de Esportes e Lazer, conforme confirmado pelo próprio chefe do Executivo à reportagem do Megaphone Cultural.

Caso isso realmente ocorra, as duas pastas deverão voltar a representar uma espécie de Decet (Departamento de Esportes, Cultura e Turismo), cujo formato já existiu durante muitos anos na estrutura administrativa da Prefeitura. A fusão também demandaria a redução de pelo menos mais um cargo de secretário. O prefeito também sinalizou como provável a saída do atual titular da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, Marcelo Dragone Iamarino.

Ainda no caso da eventual união das duas pastas, o atual secretário municipal de Esportes e Lazer, Marcos Gasparino Schmidt, também poderá deixar o posto. Isso pelo fato de que, segundo se comenta nos bastidores, o nome do vereador não reeleito Carlos Aparecido Jamarino (PSC) é um dos mais cotados para assumir a pasta resultante da fusão. Na última semana, três secretários de Paganini já confirmaram a saída do governo: Flávia Rossi, da Secretaria Municipal de Educação; José Augusto Francisco Urbini, da Secretaria Municipal de Negócios Jurídicos e Cidadania, e José Armando Mantuan, que acumulava a presidência do Saae (Serviço Autônomo de Água e Esgoto) e o comando da Secretaria Municipal de Obras e Planejamento.

Em entrevista ao Megaphone, apesar de não especificar as possíveis alterações, Paganini sinalizou que deverá ocorrer outras fusões entre secretarias. “Existe sim um movimento para unificar não só essas duas secretarias (de Cultura e Turismo e Esportes e Lazer), como também outras”, frisou, fazendo menções às pastas de Negócios Jurídicos, Administração e Governo. “Estamos analisando outras possíveis fusões”, complementou. Especificamente com relação à Cultura e Turismo e Esportes e Lazer, Paganini disse que “há, sim, a possibilidade de mudança da pessoa que irá administrar” a eventual nova pasta, confirmando a possível saída de Iamarino. O prefeito disse que, até pelo fato de sua reeleição, as mudanças no secretariado deverão ocorrer de forma gradativa. “Estamos fazendo tudo de forma tranquila e anunciar gradativamente essas mudanças. Nos próximos dias, anunciaremos dois ou três secretários”, revelou. Questionado sobre os motivos que levam à ideia da fusão de secretarias, Paganini atribuiu a intenção à necessidade de “enxugar” os gastos da máquina pública. “A ideia central é enxugar mesmo os gasto. Evidentemente que alguns profissionais serão penalizados, mas há um entendimento sobre isso. Em outros casos, as saídas são por opções pessoais dos secretários”, disse.