Novos exames foram feitos em guardas civis municipais após duas contaminações (Paulo Bellini/ItapiraNews)
Publicidade - Anuncie aqui também!
Publicidade - Anuncie aqui

Um grupo de aproximadamente 10 guardas civis municipais foram novamente submetidos a exames para detectar possível contaminação pelo Covid-19 nesta sexta-feira (10) em Itapira.

As novas coletas de material biológico foram determinadas depois que dois integrantes da GCM (Guarda Civil Municipal) testaram positivo para o novo coronavírus.

Mantenha-se bem informado: curta nossa página no Facebook, siga-nos no Instagram e também pelo Twitter

Um deles está internado no Hospital Municipal. O outro é seu parceiro de viatura. Em razão disso, todos os guardas que compõem a mesma equipe de trabalho foram submetidos a novos exames.

“Realmente temos dois casos confirmados até agora. Felizmente, um dos guardas, que precisou ser internado, está se recuperando bem de acordo com as informações que recebi. O seu parceiro começou a apresentar sintomas e também deu positivo”, disse o comandante César Martucci.

Vale lembrar que todos os integrantes da GCM já haviam realizados exames recentemente, ocasião em que nenhum teste deu positivo, o que leva a crer que a contaminação dos dois guardas aconteceu posteriormente.

“Com exceção do guarda que era parceiro do primeiro que testou positivo, até agora, felizmente, não temos outros guardas com sintomas aparentes”, acrescentou Martucci.

  • MAIS PROTEÇÃO

Nesta semana, a GCM também recebeu Equipamentos de Proteção Individual destinados pelo Governo Federal através do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Ao todo, foram entregues mais de três mil máscaras cirúrgicas descartáveis, 32 caixas de luvas de procedimentos e 126 unidades de álcool 70% em gel.

“É muito importante para o guarda municipal porque dá tranquilidade para trabalhar. Essa parceria dá mais condições para nossos guardas cumprirem com seu serviço e garantir sua saúde. Fortalece ainda mais nosso serviço e a integridade física de nossos servidores.
Estamos diariamente na linha de frente”, finalizou.