Itapira aparece em lista de cidades que aplicaram vacinas vencidas (Reprodução)
publicidade

A Secretaria Municipal de Saúde de Itapira investiga a informação de que oito doses vencidas do imunizante contra o coronavírus fabricado pela AstraZeneca teriam sido aplicadas no município.

A informação foi publicada pelo jornal Folha de S. Paulo com base em registros oficiais do Ministério da Saúde que determinam o prazo de validade e as datas das aplicações.

Ao todo, a vacina da AstraZeneca teve lotes expirados distribuídos a mais de 1.500 cidades brasileiras. Em Itapira, oito doses do lote CTMAV501 com vencimento em 30 de abril teriam sido ministradas.

O secretário municipal de Saúde, Vladen Vieira, disse que um trabalho já foi iniciado para identificar as oito pessoas que podem ter sido vacinadas com doses que já venceram.

Ele ponderou, contudo, que existe a possibilidade de que essas doses tenham sido aplicadas antes do prazo final do vencimento.

“Nós vamos levantar quais foram as pessoas que podem ter tomado as vacinas desse lote, verificar o dia que foi feita a aplicação dessa vacina e se estava ou não dentro do prazo de validade e aguardar o posicionamento oficial da Secretaria de Estado da Saúde”, disse.

“Se a vacina venceu no dia 30 de abril e a pessoa foi vacinada no dia 29 ou no dia 30 mesmo ela está dentro do prazo. Então, antes de falar qualquer coisa, vamos averiguar com calma quem são essas pessoas e verificar se foram vacinadas dentro do prazo ou não”, completou.

  • ESTADO

À Folha, a Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo confirmou cerca de 4.000 doses ministradas após validade em municípios paulistas.

A pasta disse que “orienta os municípios sobre a aplicação da vacinação contra a Covid-19 e a importância da verificação da data de validade antes do uso do frasco de uma vacina, inclusive com documentos técnicos com todas as condutas necessárias. Todas as grades são distribuídas dentro do prazo de validade.”

Quem já foi vacinado com a AstraZeneca deve verificar se o lote informado na carteirinha de vacinação é algum dos lotes vencidos. Caso positivo, um registro de erro vacinal deverá ser realizado e nova aplicação terá que ser feita, pois é como se a pessoa não tivesse sido vacinada.


NOTA OFICIAL DA PREFEITURA
A respeito da notícia veiculada que Itapira aplicou doses vencidas da Astrazeneca, a Secretaria Municipal de Saúde esclarece que:
Os dados divulgados pela Folha de São Paulo informam que 8 (oito) pessoas em Itapira receberam a vacina do lote CTMAV501, cujo vencimento era 30 de abril;
A Vigilância Epidemiológica já está fazendo o levantamento de cada aplicação através do sistema eletrônico de registro de vacinas aplicadas para verificar se de fato elas foram aplicadas fora do prazo de validade ou apenas registradas posteriormente;
Caso realmente tenham sido aplicadas fora do prazo, as pessoas afetadas serão acionadas para que recebam nova dose;
A Secretaria Municipal de Saúde aguarda posicionamento oficial do Governo do Estado de São Paulo através do Departamento Regional de São João da Boa Vista que é o responsável pelo recebimento, controle e distribuição dos lotes aos municípios.

 

Print Friendly, PDF & Email

Publicidade - Anuncie aqui