Publicidade - Anuncie aqui também!
Paganini recebeu o secretário de Meio Ambiente, José Alair de Oliveira, e o biólogo da pasta, Anderson Martelli (Divulgação)
Paganini recebeu o secretário de Meio Ambiente, José Alair de Oliveira, e o biólogo da pasta, Anderson Martelli (Divulgação)
Publicidade - Anuncie aqui

Após uma revisão nas notas obtidas pelo município, Itapira subiu sete posições no Projeto Verde Azul, da Secretaria Estadual de Meio Ambiente, que avalia as condições ambientais em todo o Estado. A revisão foi feita a pedido da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio, que constatou que não haviam sido consideradas as notas referentes ao esgoto tratado e à estrutura ambiental de Itapira.

Em um primeiro momento, no dia 10 de dezembro de 2013, Itapira foi contemplada com a Certificação do Projeto Município Verde Azul 51º posição no ranking estadual, entre os 645 municípios paulistas que fizeram a adesão à proposta da Secretaria Estadual.

Após a divulgação do ranking e das notas, técnicos da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente verificaram que Itapira não tinha pontos registrados nos quesitos esgoto tratado e estrutura ambiental, áreas em que há uma forte atuação do município. Assim, em janeiro foi protocolada uma solicitação de revisão da nota. Ao ser deferida, neste mês, a revisão fez com que Itapira passasse de uma pontuação inicial de 82 para 84 pontos e consequentemente subisse da 51ª posição para a 44ª, saltando assim sete colocações.

O resultado tem ainda mais importância este ano apenas 75 municípios, entre os 645 do Estado, conseguiram obter o Selo Verde e se classificar no projeto. Ainda neste ano, o município da região mais próximo de Itapira que conseguiu atingir esta meta foi Jaguariúna.
Nesta sexta-feira o prefeito José Natalino Paganini recebeu o secretário de Agricultura e Meio Ambiente do município, José Alair de Oliveira, e o biólogo Anderson Martelli, também da Secretaria, que apresentaram os resultados da revisão.

Ele cumprimentou ambos pelos resultados obtidos e solicitou que toda a equipe que participa do projeto no município fosse informada de sua satisfação, encaminhando suas felicitações a todos. Paganini ainda elogiou a iniciativa da Secretaria de acompanhar atentamente os resultados e requerer a revisão da nota, o que se transformou em ato de justiça para com todos os esforços do município feitos na área ambiental.

Participam do Projeto Município Verde Azul todos os 645 municípios do Estado de São Paulo, que se iniciou a partir da assinatura de um “Protocolo de Intenções” que propõe 10 Diretivas Ambientais prioritárias a serem desenvolvidas. As 10 Diretivas são: Esgoto Tratado, Resíduos Sólidos, Recuperação da Mata Ciliar, Arborização Urbana, Educação Ambiental, Cidade Sustentável, Uso da Água, Qualidade do Ar, Estrutura Ambiental e Conselho de Meio Ambiente, a partir da qual os municípios concentram os seus esforços na construção de uma agenda ambiental efetiva.