Deputados tomaram posse na sexta-feira em São Paulo (Divulgação/Alesp)

Os 94 deputados eleitos em outubro do ano passado para atuar na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo pelos próximos quatro anos tomaram posse na tarde da última sexta-feira (15).

A solenidade marcou o início da 19ª Legislatura (2019-2023). Foram reconduzidos ao cargo 42 parlamentares, outros 48 assumiram as vagas pela primeira vez e quatro, que tiveram mandato em anos anteriores, retornaram à Casa.

Seguindo determinação do Regimento Interno da Assembleia, o presidente Cauê Macris (PSDB) leu o compromisso regimental em nome de todos os eleitos e, em seguida, realizou a chamada nominal dos deputados diplomados para fazer o juramento.

Na sequência, os 94 parlamentares que tomaram posse juraram respeitar a Constituição e a confiança depositada neles pela população. Após o ato de posse, foi iniciada a eleição da Mesa Diretora da Casa, com Macris sendo reeleito com 70 votos.

Ele disputou com Janaína Paschoal (PSL), que recebeu 16 votos; com Daniel José (Novo) e com a deputada Mônica Seixas, da Bancada Ativista (PSOL), que tiveram quatro votos cada.

“A disputa eleitoral termina aqui neste momento. A ideia é que consigamos fazer o bom debate, independente das posições ideológicas e no final achar um meio termo positivo daquilo que é bom para o povo de São Paulo. Essa é nossa expectativa por parte da nova Legislatura que se inicia no dia de hoje”, afirmou Macris.

Macris é o segundo deputado na história do Parlamento Paulista a ser reeleito para presidir a Casa – antes dele, somente o deputado Barros Munhoz (PSB) havia conseguido o feito. Para a 1ª Secretaria foi eleito o deputado Enio Tatto (PT) e para a 1ª Vice Presidência o deputado – Gilmaci Santos (PRB) veja a composição completa da Mesa Diretora abaixo.

  • BARROS MUNHOZ

Ex-prefeito de Itapira por três mandatos, o deputado José Antônio Barros Munhoz também tomou posse, desta vez para seu sexto mandato na Assembleia. Ex-presidente da Casa por duas vezes consecutivas, ele acabou sendo eleito para a 4ª Vice Presidência.

Ao comentar a condução ao posto na Mesa Diretora, ele comentou que seu objetivo é contribuir para o fortalecimento da Casa de Leis. “Aceitei concorrer a este cargo em respeito à Assembleia, para fortalecer esta Casa e a democracia. Mesmo com as mais acirradas divergências, acredito que é possível haver uma convivência harmônica entre os deputados para ajudar a construir um estado melhor e um país melhor”, afirmou.

Barros Munhoz assumiu a 4ª Vice Presidência da Mesa Diretora (Reprodução/TV Alesp)
Mesa diretora biênio 2019-2021 

Presidente - Cauê Macris (PSDB) 
1º secretário - Enio Tatto (PT) 
2º secretário - Milton Leite Filho (DEM) 
3º secretário - Bruno Ganem (PODE) 
4º secretário - Léo Oliveira (MDB) 

1º vice-presidente - Gilmaci Santos (PRB) 
2º vice-presidente - Ricardo Madalena (PR) 
3º vice-presidente - Coronel Telhada (PP) 
4º vice-presidente - Barros Munhoz (PSB)

Publicidade - Anuncie aqui