Vitória acabou sendo manchada pelo incidente (Divulgação)
Publicidade - Anuncie aqui também!
Publicidade - Anuncie aqui

O corredor itapirense Melquisedeque Messias Ribeiro, o Melke, esteve neste domingo (21) representando o município na Corrida Verde, realizada no início da manhã em Mogi Mirim (SP). Mas apesar da conquista do primeiro lugar na classificação geral entre os homens, o resultado da sua participação na prova não foi o esperado.

O atleta acabou tendo sua motocicleta furtada enquanto encarava o percurso de 5 quilômetros. Segundo ele, a moto modelo XRE-300, placa FYU-5999, estava estacionada na região próxima a largada, realizada no Zerão do Lavapés e acabou sendo subtraída sem que nem mesmo as autoridades policiais presentas para fazer o policiamento da competição percebessem.

Junto com o veículo, também foram levados dois capacetes, celular, documentos e outros objetos pessoais que Ribeiro havia depositado no baú da motocicleta. “Estacionei a moto nas proximidades da largada. Tranquei e coloquei uma corrente com cadeado como faço em todas as competições que participo e cerca de 16 minutos depois, o tempo que levei para completar a prova, a moto já havia sido levada”, relatou.

Melke busca informações sobre o veículo (Divulgação)

O atleta ainda procurou informações junto às autoridades policiais que estavam no local, mas todos disseram não ter notado nenhuma movimentação estranha. “Não havia nem vestígio do cadeado estourado”, lamentou.

Ribeiro adquiriu a motocicleta há pouco tempo e explicou que terá de continuar a pagar o veículo até 2020. O modelo com 300 cilindradas foi adquirido exatamente para que pudesse viabilizar sua participação nas provas pedestres na região.

“Ainda tenho as parcelas do consórcio para pagar até 2020. Comprei ela para que pudesse ir até as cidades da região para competir, possibilitaria minha participação com um custo menor que o da viagem com um carro”, detalhou. Ribeiro tem esperanças de localizar a motocicleta e qualquer informação que possa ajudar a localiza-la pode ser feita pelos telefones (19) 99997-8200 ou (19) 99606-2993.