Ex-presidente africano, Mandela morre aos 95 anos
Ex-presidente africano, Mandela morre aos 95 anos
Ex-presidente africano, Mandela morre aos 95 anos
do PortalMegaphone

O ex-presidente da África do Sul e ícone da luta pela igualdade racial, Nelson Mandela, morreu na tarde desta quinta-feira (05), aos 95 anos, em Pretória. A informação foi confirmada pelo governo africano. Mandela estava internado desde o dia 8 de junho, em tratamento contra infecção pulmonar.

“Ele partiu, ele se foi pacificamente na companhia de sua família”, afirmou o presidente da África do Sul, Jacob Zuma. “Ele agora descansou, ele agora está em paz. Nossa nação perdeu seu maior filho. Nosso povo perdeu seu pai.”

O estado de saúde do ex-presidente era bastante frágil. Já em abril, suas últimas imagens divulgadas mostravam um homem muito debilitado. Antes de ser internado, em junho, ele já havia sido hospitalizado diversas vezes, desde o ano passado. Em março deste ano, passou dez dias internado para tratar também uma infecção pulmonar, que provavelmente estaria vinculada a seqüelas de uma tuberculose que contraiu durante os 28 anos em que esteve preso, entre 1962 a 1990 .

Considerado um dos principais responsáveis pelo fim do regime racista do apartheid, vigente entre 1948 a 1993, Mandela era conhecido como ‘Madiba’ na África, onde se tornou um dos maiores heróis da luta dos negros pela igualdade de direitos.

Em 1994 recebeu o Prêmio Nobel da Paz e, no ano seguinte, foi eleito o primeiro presidente negro da África do Sul, nas primeiras eleições multirraciais do país. Mandela nasceu em 18 de julho de 1918, no clã Madiba, vilarejo de Mvezo, no antigo território de Transkei, sudeste da África do Sul. Seu nome original era Rolihlahla Mandela. O nome Nelson foi lhe dado por uma professora, seguindo a tradição de batizar as crianças com nomes cristãos.

Publicidade - Anuncie aqui