Radar foi arrastado por cerca de 300 metros (Tatyana Poletini/O Popular)
Publicidade - Anuncie aqui também!
Radar foi arrastado por cerca de 300 metros (Tatyana Poletini/O Popular)
Radar foi arrastado por cerca de 300 metros (Tatyana Poletini/O Popular)
Publicidade - Anuncie aqui

Um radar de fiscalização eletrônica de velocidade foi alvo de um ataque inusitado em Mogi Mirim (SP), na manhã de quinta-feira (5).

O equipamento móvel estava na Avenida Prefeito Luis Franklin Silva, no bairro Mirante, foi laçado por um homem que passou de moto pelo local. O caso aconteceu por volta das 11h30 e foi flagrado pelo operador do radar, que estava a cerca de 100 metros do equipamento.

Ao passar pelo radar, o motociclista, cuja identidade ainda é desconhecida, lançou uma corda – acertando em cheio a laçada – e passou a arrastar o equipamento por aproximadamente 300 metros.

Em seguida, o motociclista abandonou a corda e o equipamento e fugiu. Os dados da moto não foram anotados. O radar foi recolhido pelo operador, que detectou danos no suporte e na caixa que protege o aparelho e acionou a GCM (Guarda Civil Municipal). O radar foi apreendido junto à Polícia Civil e deverá passar por perícia técnica. As informações são do jornal O Popular.