Alta médica aconteceu na manhã desta terça-feira (Paulo Bellini/ItapiraNews)
Publicidade - Anuncie aqui também!
Publicidade - Anuncie aqui

A equipe do Hospital Municipal comemorou na manhã desta terça-feira (11) mais uma vitória de uma paciente contra o Covid-19.

Após 22 dias de internação, Maria Inês Valentin, de 60 anos, recebeu alta médica e finalmente voltou ao lar, junto dos familiares.

Mantenha-se bem informado: curta nossa página no Facebook, siga-nos no Instagram e também pelo Twitter

A saída aconteceu sob muitos aplausos e em forte clima de emoção. Dona Maria foi internada no dia 19 de julho, após passar mal em casa.

A nora, Dayana Dalvana Borges, que atua no 1º GBVI (Grupamento de Bombeiros Voluntários de Itapira), prestou os primeiros socorros e a levou ao Pronto Socorro.

Após avaliação, ela foi hospitalizada e, no dia seguinte, a família recebeu a notícia preocupante: a paciente estava na UTI (Unidade de Terapia Intensiva), já fazendo uso de respirador.

Dona Maria recebeu carinho dos familiares ao deixar hospital (Paulo Bellini/Itapira News)

De lá para cá, os dias foram de tensão, mas também de esperança e fé. “Deus é muito grande e nos deu essa vitória. O sentimento é inexplicável, ela renasceu”, comemorou a nora, emocionada.

Outros familiares de Maria Inês também contraíram o novo coronavírus, como seu esposo e um dos filhos e outra nora. Porém, somente ela precisou ser hospitalizada e o quadro evoluiu com maior gravidade.

No último sábado (8), a notícia animadora: ela havia deixado a UTI e já estava na  enfermaria. Já na manhã desta terça-feira, a informação ainda melhor: a tão esperada alta médica.

A paciente foi recepcionada por diversos familiares na saída do Hospital Municipal, com registro de fotos e vídeos para registrar um momento tão especial. “Queremos agradecer a todos que trabalham no Hospital. Todos os colaboradores, que estão diariamente na linha de frente”, finalizou Dayana.

Na última segunda-feira (10), o Itapira News também noticiou outra vitória contra o Covid-19 no município. Diego Aparecido Rodrigues deixou o Hospital Municipal depois de quase um mês internado, também na UTI.