Vacinação segue até dia 31 de agosto em todo o país (Divulgação)
Publicidade    
Publicidade - Anuncie aqui

As UBSs (Unidades Básicas de Saúde) já estão vacinando contra a Poliomielite e contra o Sarampo. O público alvo são as crianças com idade entre 1 ano e cinco anos incompletos. Os pais ou responsáveis devem levar as crianças ao posto mais próximo de sua residência para tomar a dose.

Embora a campanha nacional tenha começado oficialmente na última segunda-feira (6), já no sábado (4) a Secretaria Municipal de Saúde instalou um posto-volante de vacinação na Praça Bernardino de Campos, além de manter abertas unidades do Istor Luppi, Pé no Chão e Figueiredo.

A iniciativa deu certo e foram aplicadas 250 doses da vacina contra a Poliomielite e 208 da vacina contra o Sarampo. O ‘Dia D de Mobilização Nacional’ está marcado para o dia 18 de agosto, mas a campanha segue até o dia 31 de agosto.

A meta do Ministério da Saúde é imunizar 11,2 milhões de crianças e atingir o marco de 95% de cobertura vacinal nessa faixa etária, conforme recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS). De acordo com o governo federal, foram adquiridas 28,3 milhões de doses de ambas as vacinas – um total de R$ 160,7 milhões.

A campanha de vacinação deste ano é indiscriminada, ou seja, pretende imunizar todas as crianças na faixa etária estabelecida. Isso significa que mesmo as que já estão com esquema vacinal completo devem ser levadas aos postos de saúde para receber mais um reforço. No caso da pólio, crianças que não tomaram nenhuma dose ao longo da vida devem receber a VIP. As que já tomaram uma ou mais doses devem receber a VOP. E, para o sarampo, todas devem receber uma dose da Tríplice Viral – desde que não tenham sido vacinadas nos últimos 30 dias.