Cleanmax atua em Itapira desde o dia 2 de janeiro (Itapira News)
Publicidade - Anuncie aqui também!
Publicidade - Anuncie aqui

As equipes da Cleanmax, empresa que assumiu a coleta de lixo em Itapira no dia 2 de janeiro, estão se desdobrando para colocar em dia o cronograma de retirada e destinação dos detritos depositados nas lixeiras pela população.

Ainda nesta semana, o Itapira News recebeu muitos relatos de populares insatisfeitos com o atraso na coleta, o que gerou um cenário repleto de muitos sacos de lixos depositados nas vias públicas em várias regiões da cidade.

As queixas sobre atrasos na coleta começaram ainda no fim de 2018, mais precisamente nas duas últimas semanas de atuação da EPPO, empresa que atuou durante vários anos no município e cujo contrato se findou no dia 31 de dezembro.

Vencedora da licitação para explorar o serviço, a Cleanmax assumiu o serviço no dia 2 de janeiro e, segundo um de seus representantes, se deparou com um volume anormal de lixo a ser retirado das vias e destinado ao aterro sanitário.

Para regularizar coleta, Cleanmax colocou à disposição frota de outra empresa do grupo (Itapira News)

 “Tivemos um transtorno muito grande quando assumimos o serviço, com uma demanda muito grande de lixo nas ruas. Para se ter uma noção, normalmente um caminhão coleta em torno de 10 toneladas por dia nos dois períodos, mas nos primeiros dias tivemos caso de um só caminhão que colheu 29 toneladas”, afirma o coordenador operacional da Cleanmax, Daniel Santos Ferreira.

De acordo com ele, a empresa está imbuída em prestar “um serviço digno de elogios, com total atenção ao cidadão para manter a cidade sempre limpa”. “Estamos colocando tudo em dia. Já estamos com 95% da coleta regularizada”, completa. Inclusive, a empresa chegou a empenhar até veículos de outra empresa do grupo, a Higienix, para auxiliar na coleta e acelerar esse processo de regularização do cronograma.

De acordo com o coordenador, a explicação para o acumulo da demanda é clara: a empresa anterior não fez a coleta em sua totalidade durante seus últimos dias de atuação na cidade. A EPPO, ainda no fim de 2018, negou as falhas e disse que seguia trabalhando normalmente.

  • DIAS E HORÁRIOS

Ferreira afirmou que, por enquanto, a empresa não pretende promover alterações nos dias e horários das coletas. Na próxima semana, um cronograma completo deverá ser divulgado pela Cleanmax contendo todos os dias, horários, localidades e outros detalhes do serviço, incluindo meios de contatos com a empresa.

Um cronograma chegou a ser divulgado nesta semana pela Prefeitura, mas carece de informações especialmente no tocante aos bairros rurais. Um mapa da varrição de ruas e logradouros públicos também será divulgado. A Cleanmax absorveu quase que a totalidade dos funcionários da EPPO, portanto, o coordenador operacional diz que o andamento dos trabalhos segue de forma tranquila, pois não exige grandes adaptações do pessoal quanto aos roteiros.