Evento teve mudanças, mas avaliação foi positiva, segundo Secretaria (Divulgação)
Publicidade    
Publicidade - Anuncie aqui

Realizada entre os dias 29 de agosto e 1º de setembro, a XXXVII Semana Juca Mulato despontou com um novo formato e agradou organizadores, palestrantes e público. Com o tema “Poesia e a cidade em que vivemos”, o evento trouxe discussões acadêmicas acerca de Menotti Del Picchia dos movimentos artísticos aos quais ele fez parte ao longo de sua vida.

“Através deste evento levamos o nome Menotti del Picchia e sua relação com Itapira para diversas instituições, chamando a atenção para o valor de nosso acervo nas questões de pesquisa e também de preservação. Tudo isso pode ser valorizado de uma maneira diferente e pode realmente criar uma identidade para a cidade dentro desse segmento”, avaliou Ricardo Pecego, diretor de Cultura.

“Nós estamos abrindo a secretaria para todas essas discussões, trazendo pessoas renomadas no assunto e com diferentes ideologias para somar. Estamos muito satisfeitos com esse resultado, que é um sonho desde o início do ano passado. A Semana Juca Mulato foi um sucesso de ideias”, afirmou o secretário de Cultura e Turismo, Tiago Fontolan.

A abertura do evento ocorreu na noite de quarta, 29, na Casa da Cultura ‘João Torrecillas Filho’ com a apresentação do novo formato da Semana Juca Mulato. “O modelo com que a Semana Juca Mulato vinha sendo trabalhado funcionou ao longo dos anos para mostrar às escolas quem é Menotti del Picchia. A secretaria ainda tem esse intuito de mostrar Menotti, porém de uma forma mais acadêmica e fazendo com que ele seja reverenciado não só pelo poema Juca Mulato, mas por toda sua história e sua obra”, enfatizou Fontolan.

A curadora do evento, Laís Marin de Campos, também falou do desafio de falar de Menotti a um público diferenciado. “Estamos trazendo grandes pesquisadores e estudiosos do assunto para aprofundarmos nosso conhecimento sobre ele”, disse. Logo após, o palestrante Luíz Martinho Stringuetti Filho ministrou a primeira parte do minicurso “Poesia e Resistência”.

Na quinta-feira, 30, as discussões e debates ficaram a cargo de Reynaldo Damazio, que trouxe a palestra “Do modernismo à Vanguarda Concreta”, do professor Antônio Donizete Pires com a conferência “Menotti del Picchia e a poesia moderna” e de Ediano Dionísio Prado, William Silva e Alberto Sartorelli com a mesa redonda “A história da cidade de Itapira”.

A professora Ana Paula Freitas de Andrade abriu as atividades de sexta-feira, 31, com a conferência: “Menotti del Picchia, divulgador do futurismo no Brasil”. Ela foi seguida por Luíz Martinho Stringuetti Filho, que ministrou a segunda parte do minicurso “Poesia e Resistência”.

As atividades do sábado, 1º, tiveram início ainda no período da manhã no Parque Juca Mulato com a Oficina de Brinquedos de Sucata e a apresentação da peça de teatro ‘Romeu e Julieta’, da Cia Talagadá – Teatro de Formas Animadas. Após o almoço, a Casa da Cultura abrigou o Congresso Científico com a apresentação de trabalhos científicos de Lucas Paollilo (‘Leituras de Sérgio Milliet sobre Menotti del Picchia’) e Daniele Duarte (‘Chegada da água potável no município de Itapira – SP’) com mediação foi de João Torrecillas Sartori.

Logo em seguida, a acadêmica de História pela Unicamp Jéssica Rosa trouxe a discussão “O poema ‘Juca Mulato’ na perspectiva do negro” trazendo um pouco de sua experiência pessoal e pesquisas do assunto. A peça de teatro de fantoches e o show musical que haviam sido anunciados foram cancelados.

Atividades ocorreram entre os dias 29 de agosto e 1 de setembro (Divulgação)
  • Concursos e vencedores

No sábado, pouco antes do encerramento do evento, a equipe da Secretaria de Cultura e Turismo fez a contagem de votos dos concursos de Fotografia e Poesia. No de poesia, houve um empate de três alunos pela terceira colocação. Como desempate, todos foram lidos para o público e os votos foram contabilizados.

Assim, o 1º lugar ficou com a poesia ‘Minha cidade minha vida’ da autora Ivy Isabelle Duarte do 5ºD da Emeb João Simões. A segunda colocação ficou com a poesia ‘Minha rua’ de Maria Eduarda de Moraes Durval, do 5ºB da Emeb Comendador Virgolino de Oliveira. E a terceira colocada, após o desempate do público, foi ‘Minha cidade’ de Caio Miguel Siqueira do 5ºB da Emeb Dona Izaura da Silva Vieira.

Já no Concurso de Fotografia, o primeiro colocado foi Júlio César Bombarda com a foto do Portal de Itapira. Em segundo lugar ficou Luara Nicolai Piardi com uma imagem feita do Parque Juca Mulato. E o 3º lugar ficou com Jenifer Oliveira, com a foto que mostra o coreto e parte do Parque Juca Mulato. Eles receberão R$300,00, R$200,00 e R$100,00, respectivamente. A secretaria agendará uma data para a entrega dos troféus, cheques e certificado de participação.