Roubos e furtos ocorrem principalmente durante a madrugada no Jardim Soares (Reprodução)
Publicidade - Anuncie aqui também!
Publicidade - Anuncie aqui

Uma onda de roubos e furtos cometidos contra residências da região do Jardim Soares e adjacências está tirando o sono de quem reside no bairro.

Literalmente – já que todos os casos mais recentes aconteceram durante a noite e madrugada e há relatos de idosos que estão com problemas para dormir em razão do medo.

Mantenha-se bem informado: curta nossa página no Facebook, siga-nos no Instagram e também pelo Twitter

Nas últimas duas semanas, a reportagem do Itapira News foi acionada por pelo menos quatro moradores que foram vítimas dos roubos.

Em todos os casos, os ladrões entraram nos imóveis após arrombarem portões, portas e janelas e subtraíram aparelhos eletroeletrônicos, dinheiro e objetos de valor.

O caso mais recente, um furto, foi na noite da última quarta-feira (26), quando o alvo foi uma residência na Rua Ari Wilson Cremasco. Segundo a vítima, o ladrão fugiu com um televisor.

A invasão, assim como algumas das anteriores, foi gravada por câmeras de segurança. Outro registro mostra um ladrão correndo também com uma TV em mãos na madrugada do dia 24 passado.

Mais imagens enviadas à redação também registraram uma tentativa frustrada de invasão no dia 14 deste mês. A vítima mais recente contou que o furto ocorreu em um curto espaço de tempo em que ninguém fica na residência, por volta das 19h30 – apesar da grande movimentação de veículos na via.

Mas, em outro caso no dia 17, uma moradora da Rua Clélia Dini foi rendida e até mesmo agredida. Somente nesta via foram três roubos consumados, além da tentativa. Informações enviadas ao Itapira News apontaram também para outro assalto a uma casa na Rua Bento José Vieira.

Receosas, as vítimas preferem o anonimato, mas algumas delas afirmam que os roubos podem ter sido praticados pelo mesmo indivíduo, com possível ajuda de uma mulher. A suspeita é que eles fiquem pelas imediações observando a rotina das vítimas antes de agir.

  • SEGURANÇA

A reportagem conversou com o capitão Fábio Vieira, comandante da Polícia Militar em Itapira, que garantiu que o policiamento já foi reforçado no bairro. “O patrulhamento já foi reforçado especialmente durante a noite e durante a madrugada nesta área”, comentou.

Viaturas da GCM (Guarda Civil Municipal) também intensificaram as rondas pela região. “Intensificamos logo que esses casos começaram e já existem suspeitos”, comentou o comandante César Martucci.

O delegado titular de Itapira, Anderson Cassimiro de Lima, lembrou que nem todos os casos chegaram oficialmente ao conhecimento da Polícia Civil.

Por isso, ele ressaltou a importância de que o boletim de ocorrência seja registrado – o que pode ser feito de forma on line pela Delegacia Eletrônica.

“É muito importante que esses fatos sejam registrados, até mesmo para que, em uma eventual situação em que algum suspeito for detido, haja base legal para imputar as acusações e mantê-lo privado da liberdade, caso de fato seja o autor dos crimes”, explicou.

De qualquer maneira, o delegado também garantiu que os casos já estão sob investigação e que o SIG (Serviço de Investigações Gerais) também já está de posse de diversas imagens de câmeras de segurança para tentar identificar os ladrões.

Publicidade - Anuncie aqui