Convênio foi rompido após crime violento em Itapira (Arquivo/Divulgação)
Publicidade - Anuncie aqui também!
Publicidade - Anuncie aqui

A Prefeitura de Itapira anunciou o encerramento do convênio com o Centro de Ressocialização de Mogi Mirim, por meio da FUNAP (Fundação Dr. Manoel Pedro Pimentel), que permitia o emprego de mão de obra de detentos em regime semiaberto em serviços de limpeza no município.

A decisão acontece após um assalto com reféns em uma residência, no interior de um condomínio fechado, ocorrido na última segunda-feira (8). O crime foi praticado por integrantes do grupo de reeducandos que atuava na cidade.

“Frente ao lamentável fato ocorrido na última segunda-feira, o refeito José Natalino Paganini decidiu encerrar o convênio”, informa nota emitida nesta quarta-feira (10) pela Prefeitura. O convênio estava em vigor desde o fim do ano passado, quando a iniciativa já despertou muita polêmica.

A ruptura do acordo também ocorre diante da repercussão extremamente negativa após a notícia do crime no início da semana, que motivou pesadas críticas ao governo municipal. “Lamento profundamente pelo ocorrido e me solidarizo com a família que foi vítima dessa ação criminosa. Em respeito à população e pensando na segurança de todos, decidimos encerrar o convênio em nossa cidade”, disse o prefeito.

Apesar da decisão, Paganini fez questão de destacar o trabalho realizado pelos detentos ao longo desses mais de seis meses de programa.  Segundo ele, foram mais de 430 quilômetros de ruas capinadas e limpas em diversos bairros da cidade. “Foi um trabalho muito bem feito e que ajudou nossa administração a manter nossa cidade mais limpa e bonita, mas nesse momento estamos pensando na segurança da população”, disse.

Sobre a ocorrência de segunda-feira, o prefeito também falou sobre a atuação da GCM (Guarda Civil Municipal), que agiu imediatamente após a fuga dos três detentos. “Lamento muito pelo ocorrido e a administração já está procurando junto ao setor competente as alternativas para dar continuidade à conservação e limpeza de toda a cidade”, finalizou.