Aves estavam em residência e foram apreendidas (Divulgação)
Publicidade - Anuncie aqui também!
Publicidade - Anuncie aqui

A Patrulha Ambiental de Itapira fez sua maior apreensão até hoje de aves silvestres em um só local. A ocorrência foi registrada na manhã da última sexta-feira (6) em uma residência no bairro Flávio Zacchi. O chefe da Patrulha Ambiental, Rogério Oliveira, foi acionado pela Polícia Civil para comparecer ao local que era alvo de uma diligência dos policiais.

Ao todo, foram apreendidas 24 aves silvestres de diversas raças, além de materiais utilizados para caça de pássaros. “O responsável pelas aves foi indiciado por crime ambiental por posse de animais silvestres sem licença”, explicou Oliveira.

Morador não tinha licença e foi autuado (Divulgação)

De acordo com ele, também foram feitas autuações com base na lei que coíbe maus tratos, já que algumas aves apresentavam sinais que indicavam a prática. “Da mesma forma, ele será autuado pela Patrulha Ambiental e a multa pode chegar a R$ 14 mil”, comentou. As aves foram apresentadas na Delegacia de Polícia e recolhidas para posterior encaminhamento da forma adequada.