Equipe da Patrulha Ambiental agiu mais uma vez e livrou passarinhos das gaiolas (Divulgação)
Publicidade - Anuncie aqui também!
Publicidade - Anuncie aqui

A Patrulha Ambiental fez uma nova apreensão de aves silvestres que eram mantidas ilegalmente em cativeiro em Itapira.

O caso aconteceu na tarde desta quarta-feira (25) em um imóvel no distrito rural de Barão Ataliba Nogueira.

Na casa foram encontradas gaiolas com um pixarro, dois tico-tico e dois coleirinho – todos da fauna silvestre, – além de um alçapão para captura dos pássaros.

Mantenha-se bem informado: curta nossa página no Facebook, siga-nos no Instagram e também pelo Twitter

O responsável pelas aves, um homem de 47 anos, foi conduzido à Delegacia de Polícia e multado em R$ 2.500,00, sendo R$ 500,00 referentes a cada passarinho, e responderá criminalmente com base na legislação vigente.

O coordenador da Patrulha Ambiental e as agentes Anita e Paula chegaram ao local após diversas denúncias sobre a presença das aves. A informação era de que o homem caçava os pássaros para vender.

Uma equipe da GCM (Guarda Civil Municipal) composta pelos guardas Francisco, Paiva e Depieri apoiaram a ocorrência. As aves foram apreendidas e recolhidas pela Patrulha Ambiental para posterior soltura.

Publicidade - Anuncie aqui