Homenagem lembrou tragédia que vitimou policiais
Publicidade - Anuncie aqui também!
Homenagem lembrou tragédia que vitimou policiais
Homenagem lembrou tragédia que vitimou policiais
Publicidade - Anuncie aqui

Os policiais militares Denison Duarte da Silva e Fábio Fernando Lemes, mortos há cinco anos em um acidente durante perseguição a criminosos em Itapira, foram homenageados no início da tarde desta quarta-feira (13), em Itapira.

O acidente que matou os dois soldados aconteceu em 13 de janeiro de 2010, na antiga vicinal entre Itapira e Mogi Guaçu. Na ocasião, os policiais perseguiam ladrões que haviam roubado um caminhão.

Em uma curva, a viatura derrapou e o carro caiu em uma ribanceira, capotando várias vezes. Os soldados foram socorridos com apoio da GCM (Guarda Civil Municipal), mas acabaram falecendo. A homenagem (assista ao vídeo) aconteceu na Praça Bernardino de Campos, defronte à Igreja Matriz de Nossa Senhora da Penha, e reuniu 12 policiais que atuam na 3ª Cia da PM em Itapira – a mesma em que os soldados mortos atuavam.

O capitão Antônio Marcos Sanches de Toledo, comandante da PM no município, conduziu a homenagem, e o policial Freedman da Silva executou o Toque de Silêncio (Marcha Fúnebre). “Os militares em questão se abdicaram de anseios pessoais e cumpriram fielmente suas missões, defendendo a sociedade com o sacrifício de suas próprias vidas, fato esse que merece ser lembrado e reconhecido por todos”, comentou o capitão.

A morte dos policiais gerou grande comoção na época, e repercutiu nacionalmente. Os criminosos abandonaram o caminhão e conseguiram fugir. Denison Duarte da Silva tinha 26 anos e estava prestes a se casar. O outro policial militar, Fábio Fernando Lemes, tinha 24 e deixou uma filha pequena. Segundo informou a SSP (Secretaria de Segurança Pública) na ocasião, a viatura em que os policiais estavam se desgovernou ao desviar de uma câmara de ar que havia se desprendido de uma das rodas da carreta roubada. Os dois policiais foram sepultados com honras.