Novo conjunto habitacional está sendo implantado no José Tonolli
Publicidade - Anuncie aqui também!
Casas foram construídas pelo Minha Casa, Minha Vida (Arquivo)
Casas foram construídas pelo Minha Casa, Minha Vida (Arquivo)
Publicidade - Anuncie aqui

As 305 casas que compõem o Residencial ‘Funabashi Yoshio’, em Itapira, serão inauguradas nesta terça-feira (28), às 9h30. Conforme noticiado pelo Itapira News, o evento terá a participação do governador Geraldo Alckmin (PSDB).

As novas unidades residenciais, que foram construídas com recursos do Governo Federal por meio do programa ‘Minha Casa, Minha Vida’, receberão famílias com renda até R$ 1,6 mil, mas a Prefeitura ainda não divulgou a data de entrega aos futuros moradores.

O investimento no novo conjunto habitacional chega a R$ 25 milhões, sendo R$ 21,3 milhões em verbas federais e R$ 4,2 milhões em recursos estaduais pelo Programa Casa Paulista. O sorteio das casas foi feito ainda em novembro de 2014. Cada unidade possui perto de 50 metros quadrados de área construída, distribuídos em terrenos com 160 metros quadrados em média. Inicialmente, a previsão de entrega era para o início do ano passado, e a demora gerou protestos principalmente nas redes sociais.

A tão esperada inauguração será atrelada a mais duas entregas: a da Creche-Escola Carmella Faria Sartori e a das obras de pavimentação de diversas ruas do bairro. A solenidade acontece na esquina das ruas Marta Rosa Formigari Ehmke e Benedito Leitão. A nova unidade educacional foi erguida com custo aproximado de R$ 1,8 milhão. Os recursos são estaduais, por meio do FDE (Fundo para o Desenvolvimento da Educação). O espaço terá capacidade para atender até 150 crianças de zero a três anos (na creche) e de quatro e cinco anos (nas salas destinadas à Educação Infantil).

O objetivo do novo local é atender, principalmente, à nova demanda gerada pelos moradores do residencial, além do Condomínio Morada Nova, inaugurado em abril passado. As 23 ruas pavimentadas no bairro consumiram pouco mais de R$ 1,1 milhão, com financiamento pela Agência de Desenvolvimento Paulista (Desenvolve SP). Por conta do início do período eleitoral – que a partir do próximo sábado (2), proíbe a presença de qualquer candidato em inaugurações de obras públicas – a Prefeitura optou por unificar as três inaugurações. Além de Alckmin, também estão confirmadas as presenças do prefeito José Natalino Paganini (PSDB) e do secretário de Estado da Habitação, Rodrigo Garcia.