Publicidade - Anuncie aqui também!
Questão divide opiniões e gera polêmica (Joel Silva/Folhapress)
Questão divide opiniões e gera polêmica (Joel Silva/Folhapress)
Publicidade - Anuncie aqui

O secretário da Segurança Pública, Fernando Grella Vieira, reuniu-se nesta quarta-feira (15) com o comandante-geral da Polícia Militar, Benedito Roberto Meira, para discutir a atuação dos policiais em relação aos encontros de jovens nos shoppings, os chamados “rolezinhos”.

Para o secretário, o rolezinho não pode ser considerado crime, mas um fenômeno cultural, motivo pelo qual não deve ser tratado como caso de polícia. Ele afirma que a Polícia Militar não deixará de cumprir sua obrigação constitucional. “Uma coisa precisa ficar muito clara: a segurança dos shoppings é privada. A PM somente deve agir se houver quebra da ordem”, afirma.

Para Grella, os rolezinhos evidenciam a necessidade de o poder público investir em opções de lazer para os jovens. “Considero louvável a preocupação da prefeitura de São Paulo em tomar medidas nessa direção, como a melhoria da iluminação noturna nos clubes municipais e as atividades culturais nos CEUs.”

Publicidade - Anuncie aqui