Trecho registrou vários casos em curto espaço de tempo
Publicidade    
Publicidade - Anuncie aqui

Uma onda de assaltos na Estrada Municipal ‘Vicente Ortiz de Camargo’ – trecho conhecido por ‘Estrada da Roseira’, em Mogi Guaçu, está gerando medo e preocupação não só em moradores da cidade, mas também em muitas pessoas da região – especialmente itapirenses que utilizam a ligação interna entre os dois municípios. Em dois casos, inclusive, as vítimas são residentes em Itapira.

O referido trecho interliga o bairro rural da Roseira à área urbana de Mogi Guaçu e é conhecido também como ‘Estrada da Maizena’. Segundo informações que circulam nas redes sociais, os roubos estão sendo praticados por dois homens em uma motocicleta de grande porte e de cor escura.

Os alvos são motoristas que trafegam pela estrada no período noturno. Segundo divulgado, ao menos três casos foram registrados na primeira semana do ano – e pelo menos outros dois em que as vítimas conseguiram escapar ao perceber que se tratava de assaltantes.

Conforme noticiado pela Gazeta Guaçuana, as primeiras vítimas, residentes em Mogi Guaçu, foram abordadas pela dupla por volta das 21h50 do dia 2 de janeiro. Segundo o Boletim de Ocorrência, o carro em que elas estavam foi emparelhado por uma moto com dois homens armados, um com um revólver e outro com uma pistola. O motorista do carro parou o veículo e foi ameaçado. As vítimas entregaram cartões, celular, outros objetos pessoais e R$ 50,00.

Poucos minutos depois o alvo dos ladrões foi um morador de Itapira. O homem de 65 relatou que estava em seu carro quando foi abordado por dois homens armados em uma moto. Neste caso, o garupa da moto desceu e assumiu a direção do veiculo da vítima, fugindo com o carro – uma GM/Montana, além de cartões, celular e R$ 300,00.

Porém, como o carro possui dispositivo de corte de combustível, ele se escondeu em meio a um matagal, imaginando que o veículo iria parar e receoso dos bandidos retornarem. Após um tempo ele caminhou até outra rodovia, a SP-342 (Mogi Guaçu-Espírito Santo do Pinhal) e acionou as autoridades. Neste meio tempo, a GCM (Guarda Civil Municipal) já havia localizado a Montana que parou aproximadamente 500 metros do local do roubo.

Ainda na mesma noite, outro roubo foi registrado no trecho. Desta vez um veículo GM/Prisma, ocupado por um casal e uma mulher, todos também de Itapira, foi o alvo escolhido pelos ladrões. Neste caso, o ocupante da garupa chegou a efetuar três disparos contra o carro, cujo condutor arrancou e conseguiu fugir.

  • Patrulhamento

O comandante da GCM de Mogi Guaçu, Claudemir Adorno da Costa, disse ter conhecimento dos recentes casos de assaltos na Estrada da Roseira. “Nós já temos as características dos acusados e da moto e já estamos monitorando o local, intensificando o patrulhamento com o objetivo de prender a dupla”, afirmou.