Publicidade - Anuncie aqui também!
Sala de espera do Pronto Socorro; Prefeitura nega mortes por dengue
Sala de espera do Pronto Socorro; Prefeitura nega mortes por dengue
Publicidade - Anuncie aqui

Apesar das diversas informações internet repercutindo supostas mortes por dengue em Itapira, a Secretaria Municipal de Saúde negou o registro de óbitos causados pela doença.

Nos últimos dias, vários boatos surgiram em redes sociais afirmando que o município já registrou mortes decorrentes da dengue em meio à epidemia que começou em dezembro passado.

Em um dos casos, internautas comentam sobre uma suposta morte por dengue hemorrágica na cidade, que teria ocorrido há cerca de uma semana.

No final de janeiro, um homem que estava contaminado com a doença faleceu no Hospital Municipal, mas a Prefeitura também negou que a causa da morte tenha sido a dengue, afirmando que a vítima morreu em decorrência de pneumonia. Diante das informações que circulam na internet, a reportagem do Itapira News voltou a questionar a pasta municipal sobre a veracidade das mesmas.

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde negou, categoricamente, que o município tenha registrado qualquer óbito decorrente diretamente da dengue. “A informação não procede. Neste momento em que a população está naturalmente aflita por conta dos casos de dengue, infelizmente surgem muitos rumores e muitas fofocas que, por óbvio, não condizem com a realidade”, diz a nota remetida ao site na quarta-feira (4).

“As redes sociais, conquanto prestem relevantes serviços de informação à população, também abrigam este tipo de comentário, que acaba por prestar um desserviço à comunidade. No momento em que fatos mais relevantes vierem a ocorrer, informaremos a todos”, garante o texto enviado pela assessoria de imprensa da Prefeitura. Consultada na noite de quinta-feira (5), a mesma assessoria reforçou que não havia registros de óbitos por dengue na cidade.