Publicidade - Anuncie aqui também!
Publicidade - Anuncie aqui

A programação da 38ª Semana Juca Mulato conta com atividades variadas e com diferentes abordagens culturais, de literatura e da vida e obra de Menotti Del Picchia.

O evento acontece entre os dias 26 e 31 de agosto e é organizado pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo.

Todas as atividades, à exceção da de terça-feira (27) acontecem no Auditório do Museu de História Natural, no Parque Juca Mulato, e são abertas ao público.

“Mais uma vez optamos pela organização de um evento mais interativo, com atividades diferenciadas e muito interessantes. Também vale destacar a parceria importante com o Senac Itapira que foi iniciada em maio com a Pérola Negra. Acredito que mais uma vez a Semana Juca Mulato está cumprindo sua missão de mostrar a importância do poema Juca Mulato e de Menotti del Picchia para a nossa cidade”, enfatiza o secretário municipal de Cultura e Turismo, Ricardo Pecego.

A abertura da Semana acontece na noite de segunda-feira (26) com uma Oficina de Escrita Criativa ministrada por Reynaldo Damazio. A proposta da oficina é estimular a produção de narrativas breves a partir da leitura de autores contemporâneos levando em conta sua importância como gênero literário atual.

Na terça-feira, a programação será no período da tarde, às 14h00, no Senac Itapira com Notas de Escurecimento: Trajetória da Literatura Negra Brasileira, com roda de conversa, exposição e discussão participativa do tema ministrada por Plínio Camillo. O evento é aberto para todo público interessado.

O projeto Cinema nos Museus traz, na quarta-feira (28) o documentário “Semana de Arte Moderna”, produzido pela TV Cultura em 2002 com entrevista de Menotti del Picchia. Os comentários serão da professora de literatura e curadora da Casa Menotti del Picchia, Laís Marin de Campos.

Na quinta-feira (29) às 19h30, os alunos do 1º ano do Ensino Médio do SESI Itapira promovem o Sarau Literário com recitação de poemas de Menotti del Picchia e de poemas autorais dos alunos.

Na sexta-feira (30), os convidados Dennis Renato, Paulo Sutto, Raphael Lupinacci e Luan Freitas fazem uma Roda de Conversa sobre “O processo criativo da arte”, que tem como proposta abrir uma conversa de artistas da cidade com o público e falar sobre o trabalho das pessoas da nossa cidade envolvidas com a música, literatura e artes visuais.

No sábado (31), o encerramento da Semana acontece a partir das 14h00 com a  Oficina “Literatura e quadrinhos em diálogo: criação de narrativa gráfica” ministrada por Danilo Caldeira.

Os interessados devem fazer a inscrição até dia 30 de agosto pelo telefone (19) 3813-1090 e no dia da oficina deverão levar lápis de cor e/ou canetinhas coloridas. Nesta oficina serão abordadas as adaptações quadrinísticas de textos literários como formas dialógicas e movimentos transculturais, como repetição e mudança.

Concomitantemente à 38ª Semana Juca Mulato, o Museu Histórico de Itapira abrigará uma exposição que conta um pouco da vida de Menotti del Picchia em vários aspectos. Mais informações serão divulgadas em breve.

Programação da 38ª Semana Juca Mulato

  • 26/08 – Segunda-feira

19h30: Abertura

20h00: Oficina de escrita criativa (Ministrante: Reynaldo Damazio)

Local: Auditório do Museu de História Natural de Itapira, Parque Juca Mulato

  • 27/08 – Terça-feira

14h00: Notas de Escurecimento: Trajetória da Literatura Negra Brasileira (Ministrante: Plínio Camillo)

Local: Senac Itapira, Praça Bernardino de Campos, 150 – Centro.

  • 28/08 – Quarta-feira

20h00: Cinema nos Museus: exibição do documentário: “Semana de Arte Moderna” (Comentários: Laís Marin de Campos)

Local: Auditório do Museu de História Natural de Itapira, Parque Juca Mulato

  • 29/08 – Quinta-feira

19h30: Sarau Literário (participação dos alunos do 1º ano do Ensino Médio do SESI Itapira)

Local: Auditório do Museu de História Natural de Itapira, Parque Juca Mulato

  • 30/08 – Sexta-feira

19h30: Roda de conversa: “O processo criativo da arte” (Convidados: Dennis Renato, Paulo Sutto, Raphael Lupinacci e Luan Freitas)

Local: Auditório do Museu de História Natural de Itapira, Parque Juca Mulato

  • 31/08 – Sábado

14h00: Oficina: Literatura e quadrinhos em diálogo: criação de narrativa gráfica (Ministrante: Danilo Caldeira). Obs.: Aluno deverá trazer lápis de cor e/ou canetinhas coloridas

Inscrição: Até o 30/08 pelo telefone (19) 3813.1090

Local: Auditório do Museu de História Natural de Itapira, Parque Juca Mulato

Sinopse das atividades

– Oficina de escrita criativa:

A proposta da oficina é estimular a produção de narrativas breves a partir da leitura de autores contemporâneos, como Clarice Lispector, David Foster Wallace, Julio Cortázar, Lydia Davis e Veronica Stigger, levando em conta sua importância como gênero literário atual.

– Notas de Escurecimento

Tem como proposta discutir de forma dinâmica e participativa os conceitos de Literatura Negra Brasileira. Serão abordadas as origens da desta literatura, suas marcações, limitações, função social e literária atual. Também pretende auxiliar a construção, através do contato com a escrita negra, de outra imagem de si e da comunidade NegrX Brasileira, distinta daquelas verificadas em outros espaços de produção de produção literária.

– Cinema nos museus:

Cinema nos museus é uma atividades da Sociedade dos Amigos dos Museus de Itapira (SAMI) com a proposta de trazer ao público a exibição de filmes/documentários com discussões sobre o tema exibido. Nesta segunda edição do projeto o documentário exibido será “A Semana de Arte Moderna” produzido pela TV Cultura em 2002 com entrevista de Menotti del Picchia. Os comentários serão da professora de literatura e curadora da Casa Menotti del Picchia, Laís Marin de Campos.

– Sarau Literário

O Sarau Literário da Semana Juca Mulato tem como propósito a recitação de poemas de Menotti del Picchia bem como a recitação de poemas autorais dos alunos do primeiro ano do ensino médio da escola SESI.

– Roda de Conversa

A Roda de conversa “O processo criativo da arte” tem como proposta abrir uma conversa de artistas da cidade com o público e falar sobre o trabalho das pessoas da nossa cidade envolvidas com a música, literatura e artes visuais.

– Oficina: “Literatura e quadrinhos em diálogo: criação de narrativa gráfica”:

Nesta oficina serão abordadas as adaptações quadrinísticas de textos literários como formas dialógicas e movimentos transculturais, como repetição e mudança. Serão trabalhados, na prática, os processos de criação para a geração de textos e imagens através de exercícios onde os participantes serão estimulados a deixar de lado conceitos pré-estabelecidos, como a obrigatoriedade de um desenho virtuoso, produzindo assim, uma breve história em quadrinho.

Sobre ministrantes e participantes

  • Reynaldo Damazio

É editor, crítico literário, escritor e gestor cultural. Formado em Ciências Sociais pela USP. Foi colaborador do Guia de Livros da “Folha de S. Paulo” e das revistas “Cult”, “Arte Brasileiros”, “Entrelivros”, “Mente e Cérebro” “Nossa América” e “Literatura: Conhecimento Prático”. É coordenador do Centro de Apoio ao Escritor do museu Casa das Rosas – Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura. Autor de “Poesia, linguagem” (Memorial da América Latina), “Nu entre nuvens” (Ciência do Acidente), “Horas perplexas” (Editora 34) e “Com os dentes na esquina” (Dobradura Editorial) e “Trilhas, notas & outras tramas”. Traduziu “Calvina” (SM Editora), de Carlo Frabetti.

  • Plínio Camillo

Formado em Estudos Linguísticos pela USP, Plínio Camillo nasceu em Ribeirão Preto em 1960 e reside em São Paulo. Além de escritor é ator e educador social, tendo atuado com crianças e adolescentes de rua. Atualmente, trabalha também na área de comunicação.

  • Laís Marin de Campos

É Bacharel em Letras pela Universidade Estadual de São Paulo (2016) e Licenciada em Letras (habilitação em Português e Inglês) pela Universidade Estadual de São Paulo (2016). Pós-Graduanda em Gestão Cultural pelo Centro Universitário SENAC. Desde 2015, tem atuado como Professora de Língua Inglesa e de Língua Portuguesa. Desde 2018, tem exercido atividades de curadoria na Casa Menotti del Picchia.

  • Denis Renato

É formado em Letras, professor de Língua Portuguesa e Literatura Brasileira na Escola Municipal de Jaguariúna. É gestor e coordenador pedagógico na Escola Travessia da rede particular de ensino de Itapira. É poeta e escritor de contos e romances.

  • Luan de Freitas

Estudou violão erudito no Conservatório de Tatuí, estuda teatro há oito anos e trabalha nesta área há quatro anos na Cia Talagadá em Itapira. Vive entre a vida e o teatro na cidade de Itapira, onde nasceu, tentando aliar as duas paixões/ profissões.

  • Raphael Lupinacci

Iniciou seu contato com o violão aos seis anos com seu pai. Aos 12 anos começou a dar aulas e aos 24 formou-se em violão pelo Conservatório de Tatuí. Atualmente seu trabalho tem foco em aulas particulares. É professor na Casa das Artes e na A.I.P.A. de Itapira.

  • Paulo Sutto

É bispo da Igreja de Jesus Cristo de Itapira, escreve contos de terror e poemas, tendo publicado os livros “Contos para ler antes de dormir” e “Anotações ao vento”.

  • Danilo Caldeira

É pós-graduando em Arte-Educação pelo Senac São Paulo, graduado em Letras pela UNESP – Araraquara (2014) e em Comunicação Social com habilitação em Publicidade e Propaganda pela UNIARAS (2005). É professor de Comunicação e Artes no Senac Araraquara. Leciona e produz nas áreas de publicidade, cinema, literatura e quadrinhos.