BAEP atuou em ocorrência em Joaquim Egídio (Reprodução)
Publicidade - Anuncie aqui também!
Publicidade - Anuncie aqui

Sete homens, todos suspeitos de integrarem uma quadrilha de ataques a caixas eletrônicos, foram mortos durante confronto com a Polícia Militar na noite da última quarta-feira (28), em Campinas (SP). Segundo a polícia, o grupo estava a caminho de uma ação criminosa que ocorreria em Joanópolis, também no interior paulista.

Dois suspeitos conseguiram fugir. O confronto entre o grupo, que estava fortemente armado, aconteceu no distrito de Joaquim Egídio, entre Campinas e Valinhos. A Polícia Militar recebeu uma denúncia anônima que informava sobre o deslocamento dos suspeitos para explodir um caixa eletrônico em Joanópolis.

Um cerco foi montado e, ao passar pelo local, o grupo desobedeceu a ordem de parada dos policiais, o que deu início à troca de tiros. Com os homens mortos, os policiais do BAEP (Batalhão de Operações Especiais) encontraram fuzis, metralhadoras, pistolas e 150 bananas de dinamite.