Ônibus da Expresso Fênix operam emergencialmente em Itapira
Publicidade - Anuncie aqui também!
Publicidade - Anuncie aqui

anuncieanimadoComeçou a vigorar na última segunda-feira (9) o novo valor da tarifa do transporte coletivo urbano em Itapira, operado emergencialmente pela Expresso Fênix. A partir de agora, o preço por passagem na catraca é de R$ 3,70 – a tarifa anterior, de R$ 3,30, foi reajustada em pouco mais de 12,12% na semana passada.

A medida foi autorizada via decreto assinado pelo prefeito José Natalino Paganini (PSDB). O aumento elevou em R$ 0,40 o preço de cada passagem. Em nota, a Expresso Fênix informou que o novo valor de R$ 3,70 será válido tanto para a tarifa paga em dinheiro dentro dos coletivos como quando adquirida antecipadamente em cartões do sistema de bilhetagem eletrônica.

Já para os estudantes, a tarifa passa a ser de R$ 1,85, correspondente a 50% do valor integral da passagem e que deverá ser adquirida antecipadamente em cartões. Ainda segundo a empresa, embora haja legislação que determina que vales-transportes percam sua validade decorridos 30 dias da data do reajuste tarifário, “por liberalidade a Expresso Fênix estenderá o prazo por mais 30 dias, totalizando 60 dias de validade”.

Com isso, segundo confirmado pela empresa, os créditos adquiridos antecipadamente pelo valor de R$ 3,30 ainda serão válidos até o dia 10 de março de 2017. A Expresso Fênix está operando emergencialmente em Itapira desde o ano passado. A contratação por seis meses, contudo, poderá ser prorrogada, já que a licitação para contratação definitiva de empresa pelo prazo de 15 anos foi paralisada pelo TCE/SP (Tribunal de Contas do Estado de São Paulo).